Anderson Martins reconhece peso das contratações do São Paulo

O São Paulo contratou 14 jogadores para 2019 e investiu em nomes como Daniel Alves, Alexandre Pato, Hernanes, Juanfran e Pablo. Agora titular na defesa do técnico Cuca, o zagueiro Anderson Martins reconheceu o nível do investimento e dos reforços.

– Sim, a diretoria fez todo o esforço para fortalecer ainda mais o nosso grupo. Nós temos visto as contratações que eles fizeram para nos fortalecer bastante. O que a gente tem trabalhado e conversado internamente é que a gente precisa dar uma resposta por todo esse esforço. A gente só pode dar isso trabalhando firme – disse, em entrevista ao Grupo Globo.

Por conta desses investimentos e das eliminações precoces na Copa Libertadores (segunda fase) e na Copa do Brasil (oitavas de final), o São Paulo teve problemas de fluxo de caixa neste ano.

Por duas vezes o clube atrasou o pagamento dos direitos de imagem de parte do elenco. O Tricolor informou o grupo sobre a situação, deu um prazo para resolver o problema e cumpriu o acordo.

– Nosso grupo é muito profissional. Os jogadores são comprometidos com a instituição, com o clube. Sabemos das dificuldades que aconteceram no início do ano e estamos todos no mesmo barco. Quando as coisas acontecem e quando não acontecem está todo mundo junto. Sabemos da seriedade de todos, da confiança deles conosco e de nós com eles.

Reserva na maioria dos jogos com o técnico Cuca, Anderson Martins ganhou a vaga de titular nas últimas quatro partidas (Ceará, Athlético-PR, Vasco e Grêmio). Bruno Alves, por sua vez, ficou no banco nas duas últimas partidas.

– A titularidade é uma coisa que no futebol mundial você não pode considerar. Temos um grupo forte de grandes jogadores, alguns com mais nome ficam no banco e isso não é demérito para ninguém. Acho que o comprometimento tem de ser a base do trabalho. Sabemos a nossa responsabilidade, a cobrança interna e externa para darmos resposta. O trabalho tem sido em cima disso – disse.

– Fiquei fora do time, mas de forma alguma me senti fora do contexto da equipe. Sabia que a qualquer momento o professor Cuca ia me dar a oportunidade e eu teria de retribuir essa confiança. Acho que é isso que eu e todos estão pensado em fazer aqui no São Paulo. O pensamento para você conseguir conquistar coisas grandes tem de ser dessa forma. Estou conseguindo aproveitar as oportunidades – completou.

Depois da sequência de cinco vitórias seguidas, o São Paulo tropeçou diante de Vasco (derrota) e Grêmio (empate). Anderson Martins admitiu que os desfalques fizeram falta, mas ressaltou a força do grupo tricolor. Pablo, Pato e Hernanes são os principais nomes fora.

Agora, diante do Internacional, neste sábado, às 19h, no Beira-Rio, o zagueiro sabe que o São Paulo precisa voltar a vencer para se aproximar dos líderes. Hoje cinco pontos separam Flamengo e Santos do Tricolor (36 a 31). O time tem a segunda melhor campanha como visitante do Brasileirão, com 14 pontos, atrás apenas do próprio Santos.

– Para as nossas pretensões no campeonato e não ficar distante dos primeiros colocados é importante demais essa vitória. Sabemos que vai ser um jogo difícil. O Inter tem mantido boas campanhas no últimos campeonatos. Estamos trabalhando para ir lá e pontuar. O professor Cuca vai preparar a equipe da melhor maneira possível para a gente sair de lá com o resultado positivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.