Alguém me disse

A diretoria do São Paulo se reuniu nesta sexta-feira para analisar a vida de Ricardo Gomes no clube. Ao final do encontro, os dirigentes entenderam que ele deve continuar e seria ruim demais uma mudança agora. Mas esse continuísmo tem prazo: uma derrota segunda-feira para o Fluminense poderá ser fatal para ele. Leco está sendo muito pressionado por diretores, conselheiros e torcedores. Ele, por mais que defenda a permanência de Ricardo Gomes, não vai conseguir bancá-lo em caso de nova derrota e, pode acontecer, ingresso na zona de rebaixamento. Será o epílogo de Gomes no São Paulo.

 

Paulo Pontes

17 comentários em “Alguém me disse

  1. Leco, nao escute esses torcedores que nao sabem que dizem nem muito mesmo essa imprensa que nao sabe nada de futebol .

    Leco , escute o beto que diz para você nao mande o RG embora agora deixe ele no soberano que ele vai livra o rebaixamento

    100% certeza o soberano nao cai

    Pra sempre soberano

  2. Rua para o RG e para esse presidente incompetente chamado LECO !

    Temos que colocar o Abilio Diniz na presidência do clube no lugar desse incompetente.

  3. Não sou defensora do Leco, longe disso, mas a verdade é que é uma enorme responsabilidade dele, é muito fácil as outras pessoas falarem pra mudar de treinador mas se não dá certo não arca com a responsabilidade que um presidente arca em caso de rebaixamento do clube. Muito mais cômodo. Eu não faço idéia se seria realmente boa a saída do RG faltando 8 jogos…

  4. Eu tinha certeza de que isso iria acontecer!
    O problema maior é que esse timinho, que já está muito mal, jogando sob a pressão de estar no Z4 não vai haver quem consiga tirá-lo de lá. Nem milagre!
    Isso vai ser possível de ser cobrado do Marco Aurélio, que chegou para “dar um jeito” e o jeito que ele poderia ter dado, não foi capaz: trocar imediatamente o técnico. A última chance foi nos vestiários, na última quinta, após a derrota vexaminosa para o Santos. Não fez! Agora é torcer contra os times que estão abaixo na tabela para podermos safar com 41 ou 42 pontos; caso contrário, vamos ter que mudar os dias de ver futebol na semana…

  5. É óbvio que vai perder do Fluminense.
    Nessa reta final do campeonato, time que está em cima ganha, time que está embaixo perde. Todos anos é assim. Será assim em 2016.
    Espero que já tenham ligado pra alguém.

  6. Presidencialismo funciona quando o presidente tem capacidade de decisão e é bem assessorado, o que a muito não é caso, logo todo sistema vem sofrendo as consequências.
    Posso chamar de gestão “biruta” quando a cada dia se toma uma decisão sem qualquer planejamento e convicção, tal qual é a forma como o time se apresenta.

  7. Se deixar comandar o próximo jogo, não tem mais motivo pra demitir depois. Ou vira homem e age antes da vaca ir pro brejo, ou abraça a culpa.

    VELHO DE MERDA!

  8. Bando de bunda mole reunido pra decidir salvar o tanga frouxa no comando do clube e esperar mais uma derrota.

    Se cair, vai ser merecido. Bando de múmia de baixo Q.I. nessa diretoria.

  9. O Ricardo é o menos culpado nessa história, esse time é horroroso, nem Guardiola dá jeito nisso, mas o time não reage, precisa mudar, tentar dar aquele estalo que costuma dar nos jogadores acomodados quando há uma mudança de treinador, em geral mudança não resolve mesmo, o time tem uma crescente no início pq os acomodados querem mostrar serviço pro novo chefe, depois cai novamente, mas é desse estalo inicial que precisamos, mais 3 vitórias nos basta.

    O Ricardo tem que sair agora, enquanto ainda há tempo.

  10. É só lembrar o Botafogo do RG: Jogava intensamente, atacava feito louco e não fazia gol!! O SPFC tá igualzinho! Mandem esse cara embora logo antes que seja tarde!!!!!!!!!!!!!!

  11. pela primeira vez a diretoria tomou um decisão certa o RG encontrou um jeito de jogar no soberano que a gente não e ainda podemos ficar no G7

    RG , jogue do mesmo que você jogou contra o santos que a gente ganha do flu-C

    o soberano esta jogando certinho para não cai

    pra sempre soberano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*