Alan Kardec agradece torcida: “Nunca pegaram no meu pé”

Alan Kardec fez, de cabeça, o gol da vitória do São Paulo sobre o Criciúma neste domingo (2 a 1), em Santa Catarina. Depois da partida, o atacante agradeceu o apoio da torcida são-paulina e disse que nunca se sentiu pressionado mesmo quando passou um tempo sem balançar as redes.

“Foram 11 jogos sem desistir, sem deixar de lutar e trabalhar, a confiança veio da comissão técnica, dos companheiros e da torcida que reconheceu meu esforço”, afirmou o camisa 14 do São Paulo. “Em momento nenhum a torcida pegou no meu pé, souberam reconhecer alguém que está querendo ajudar o São Paulo.”

Além do gol, o jogador chegou a perder uma chance para a matar a partida nos minutos finais. Ele finalizou mal e acabou parando nas mãos do goleiro do Criciúma. Alan Kardec creditou esse erro ao cansaço que o elenco vem sentindo nos últimos jogos. “A perna pesou um pouco”, disse.

Sobre a distância para o líder Cruzeiro, que se manteve a mesma (cinco pontos), Kardec disse que o time precisa pensar apenas nos próprios resultados, sob o risco de “perder o foco”. “A matemática agora é ganhar, ganhar e ganhar. Não tem que pensar muita coisa. Se ficarmos olhando outras equipes, acabamos tirando o foco do nosso.”

 

Fonte: Uol

Um comentário em “Alan Kardec agradece torcida: “Nunca pegaram no meu pé”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*