Aidar já se recusou a pagar comissão de 20%, valor que namorada receberia

No último dia 18, o presidente Carlos Miguel Aidar disse, em entrevista coletiva, que daria 20% de comissão a qualquer jornalista que trouxesse negócios para o clube. Aidar argumentava em defesa do contrato que garante a porcentagem à sua namorada, Cinira Maturana, em caso de prospecção de patrocínios. Porém, o mandatário já se recusou a pagar o percentual em negociações semelhantes.

O LANCE!Net apurou com empresários que já houve pelo menos duas tratativas na gestão do presidente cujos responsáveis por levar as empresas interessadas na parceria com o São Paulo ouviram negativa pela comissão de 20%.

O clube não admite publicamente, mas já fechou com a Under Armour para substituir a Penalty como fornecedora de material esportivo a partir de maio de 2015. Antes, porém, negociou com Adidas, Nike e Puma. Com a última, o acordo travou porque a empresa se recusou a pagar comissão a Cinira.

Aidar garante que desde que namora com Cinira, no fim de julho, ela ainda não trouxe nenhum negócio por isso não recebeu.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.