Aidar critica egoísmo de outros presidentes e quer liga sul-americana

Criador do extinto Clube dos 13 na década de 1980, Carlos Miguel Aidar, presidente do São Paulo, vê dificuldades para os clubes se unirem atualmente. Segundo o dirigente, os presidentes das outras agremiações não estão preocupados com o tema.

– Olham para o próprio umbigo. Não têm a mesma disposição que vi quando criamos o Clube dos 13. Sinto sempre eles querendo agir sozinhos, sendo que juntos poderiam ter sempre mais sucesso – disse Aidar, em entrevista à Rádio Globo.

Aidar é a favor da criação de uma associação entre os clubes para discutir assuntos fora da CBF, que, segundo ele, deveria cuidar mais da CBF. E também de uma liga sul-americana, com os clubes se desligando da Conmebol, que comanda o futebol do continente.

– Podemos pensar na associação de clubes, discutir calendário, transferência, acordo de cavaleiros, discutir teto salarial, saúde fiscal, isso seria mais produtivo. Se fosse liga, iria para uma liga sul-americana, não só brasileira. Poderia sair da Conmebol, disputar um Campeonato Sul-Americano de futebol, pelos clubes. Times jogam a 3.600 metros, gramados esburacados, já fui apedrejado em jogo da Sul-Americana. Isso tem de acabar – disse o presidente.

Recentemente, Aidar tem feito críticas à CBF e pedido ajuda do Governo Federal para melhoria dos clubes no futebol brasileiro.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*