Wellington enaltece a estreia de Ganso, mas quer time precavido em campo

Ausente na partida diante do Grêmio por conta de suspensão, o volante Wellington retorna ao time do São Paulo neste domingo, às 17h, no Morumbi, diante do Náutico, pela 36º rodada do Campeonato Brasileiro. Em meio ao clime acerca da estreia de Ganso, o camisa 5 enalteceu a presença do meio-campista no jogo que pode garantir a equipe na próxima edição da Libertadores.

– O Ganso está vindo para somar, para nos ajudar, e eu tenho certeza de que ele está focado nisso. Quer muito estar na Libertadores, ser campeão da Sul-Americana. Fico feliz por ele estar voltando, estar recuperado, para nos ajudar o quanto antes, ganhando os jogos – declarou o volante.

Caso o São Paulo vença o Timbu e, ao menos, o Botafogo empate com o Sport, na Ilha do Retiro, o clube paulista já estará garantido no torneio continental. Contudo, o volante quer atenção redobrada da equipe para que o clima de festa não atrapalhe e o time seja surpreendido em campo.

– Vai ser um jogo duro, complicado. Assim como a gente que não gosta de perder, eles também não gostam. Estão querendo estragar a nossa festa, na frente da nossa torcida, atrapalhar a estreia do Ganso, e conquistar os três pontos. Mas a gente não pode deixar, temos que colocar o nosso ritmo desde o começo do jogo, e ir para cima deles, fazer os gols. Estamos dentro de casa, então temos de manter o mando do jogo, o da nossa torcida – afirmou o camisa 5.

O zagueiro Paulo Miranda, improvisado na lateral direita, acredita que o Timbu jogue recuado por conta do poderio ofensivo do Tricolor paulista e mantém o discurso para que a comemoração pela estreia de Ganso não cause problemas em campo.

– Até porque eu já joguei contra Lucas, Luis Fabiano…então, você tem de manter uma cautela, uma formação tática para tentar pará-los. A gente sabe que os jogadores são de alta qualidade e isso vai ser difícil para eles – afirmou o jogador, emendando.

– Nós temos de entrar bastante focados, a gente sabe que vai ter a casa lotada, bastantes jogadores bons e temos de manter nosso estilo dentro de casa – completou o camisa 13.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*