Tchê Tchê pediu a Hernanes camisa da Juventus

Tchê Tchê vai estrear pelo São Paulo neste sábado, contra o Botafogo, às 16h, no Morumbi, pela primeira rodada do Brasileirão. O volante terá a primeira oportunidade de possivelmente jogar ao lado de Hernanes, por quem tem admiração antiga.

– Meu empresário (Nick Arcuri) é amigo do Hernanes. Eles moravam na Itália quando ele estava na Juventus (2015/2016) e eu pedi uma camisa. “Pô, gosto muito dele. Fala para me mandar uma camisa”. No dia em que entrei no CT, o primeiro cara que vi foi ele e depois o Pato. Fiquei meio assim: “Será que ele vai lembrar da camisa? (risos)”. Quando cumprimentei ele falou: “Claro que lembro. Seja bem-vindo”, isso me deixou mais tranquilo também – disse Tchê Tchê, em entrevista à “SPFCtv” (veja no vídeo acima).

Agora juntos no São Paulo, Tchê Tchê e Hernanes dividem o mesmo quarto na concentração.

– Todo mundo gosta do Hernanes. Gosto muito porque é ambidestro. Procuro usar muito a perna esquerda. Sempre admirei. Muito feliz de poder estar ao lado agora. Vou procurar aprender mais. Sempre que dá pergunto algo para ele. Agora na concentração estou no quarto junto com ele. Então é só procurar aprender – afirmou.

Na avaliação do preparador físico Carlinhos Neves, Tchê Tchê está apto a estrear. Ele imagina que o volante suporte jogar de 45 a 60 minutos, assim como Alexandre Pato.

– Desde que cheguei procuro evoluir. Treinando e fazendo atividades complementares após o treino. Me sinto bem e ansioso. Se falar que não vou estar mentindo. A expectativa é grande para pelo menos entrar no jogo. Não sei como vai ser no sábado. É uma ansiedade boa. O dia em que não sentir frio na barriga indo para o estádio é porque está fazendo a coisa errada. Todo atleta sente. É uma coisa boa e faz você ficar mais ligado e focado para desempenar um bom papel.

Natural de São Paulo, Tchê Tchê foi indicado por Cuca, com quem trabalhou no Palmeiras. Agora, o volante estará mais próximo da família. Provavelmente ele será titular do Tricolor.

A escalação provável é a seguinte: Tiago Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Hudson, Tchê Tchê e Igor Gomes; Antony, Everton e Alexandre Pato.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.