São Paulo toma virada do Grêmio dentro do Morumbi

Um gol aos 46 minutos do segundo tempo deu ao Grêmio uma vitória de virada por 2 a 1 sobre o São Paulo, neste domingo, no Morumbi. Cícero inaugurou o marcador para os mandantes no primeiro tempo, mas Werley e André Lima mudaram a história do jogo.

Com o resultado, o time gaúcho segue em quarto lugar, agora com 31 pontos. Já o São Paulo, que entraria no G4 com uma vitória por dois gols de diferença, fica em sétimo, com 25.

Os dois tricolores voltam a campo na quarta-feira, pela 17ª rodada. Às 19h30, o Grêmio recebe a Portuguesa. Mais tarde, às 21h50, o São Paulo visita o Náutico, nos Aflitos.

O JOGO

Sem o suspenso Rafael Toloi, Ney Franco repetiu o que já fez algumas vezes na Seleção Brasileira e escalou o volante Casemiro como terceiro zagueiro. Na frente, sem Luis Fabiano, ainda contundido, Cícero fez a função de centroavante mais uma vez.

O jogo demorou a engrenar. Se o Grêmio se aproximava da meta defendida por Rogério Ceni em jogadas esporádicas de Elano, o São Paulo contava com a movimentação constante de Cícero para assustar Marcelo Grohe. Aos 27 minutos, o camisa 16 do time da casa caiu pelo lado esquerdo e deu ótimo passe para Jadson, que chutou fraco e facilitou a defesa do arqueiro rival.

Aos 39 minutos, os dois inverteram as posições. Desta vez, foi Jadson quem lançou e Cícero quem concluiu. E foi preciso. Grohe ainda conseguiu tocar na bola, mas não evitou o gol que inaugurou o marcador.

O gol empolgou os donos da casa, que poderiam ter ido para o intervalo com uma vantagem maior. Aos 42 e aos 43 minutos, o goleiro gremista evitou que Maicon balançasse as redes, primeiro de cabeça e depois em um chute de fora da área.

No início do segundo tempo, mais uma chance. Ademilson invadiu a área pela direita e rolou para trás, de onde Douglas chegou batendo firme, exigindo nova intervenção de Marcelo Grohe. Precisando reagir, Luxemburgo mudou o Grêmio aos 19 minutos. E teve estrela ao tirar o volante Fernando para colocar o meia Marquinhos.

Em sua primeira participação no jogo, Marquinhos cobrou escanteio da esquerda e o zagueiro Werley desviou de cabeça na primeira trave para empatar.

O jogo ficou morno por alguns minutos. Aos 33, Luxa fez uma troca simples de centroavantes e acionou André Lima, tirando Marcelo Moreno. No lance seguinte, Kleber encarou João Filipe pela esquerda e bateu cruzado, acertando a trave esquerda de Rogério Ceni.

A vertiginosa queda de rendimento são-paulina fez Ney Franco se mexer. Aos 36 minutos, ele abdicou do esquema com três zagueiros tirando Casemiro, aplaudido, e colocando o atacante Willian José. Cícero até assustou com um chute de longe que Grohe defendeu, mas foi o Grêmio quem balançou a rede por último.

Luxemburgo havia acabado de colocar Léo Gago na vaga do cansado Elano para fechar o meio quando Zé Roberto cruzou da direita, Kleber escorou de cabeça para o meio e André Lima, de carrinho, decretou a virada aos 46 minutos.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 2 GRÊMIO

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 12/8/2012 às 16h (de Brasília)
Árbitro: Elmo Resende Cunha (GO)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (FIFA/BA) e Kleber Gil (SC)

Renda e público: R$ 326.142 / 15.386 no total
Cartões Amarelos: Denilson, Douglas, Cortez, João Filipe (SPO) Kleber, Werley, Marcelo Moreno (GRE)
GOLS: Cícero, aos 39 minutos do primeiro tempo (SPO); Werley, aos 21 minutos do segundo tempo (GRE) e André Lima, aos 46 minutos do segundo tempo (GRE)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; João Filipe, Casemiro (Willian José – 36’/2ºT) e Rhodolfo; Douglas, Denilson, Maicon, Jadson e Cortez; Ademilson e Cícero. Técnico: Ney Franco.

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edilson, Werley, Gilberto Silva e Pará; Fernando (Marquinhos – 18’/2ºT), Souza, Elano (Léo Gago – 43’/2ºT) e Zé Robeto; Kleber e Marcelo Moreno (André Lima – 33’/2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*