Petros revela noites em claro para jogar: “São Paulo acima de tudo”

Com uma lesão na coxa esquerda, o volante Petros ajudou o São Paulo a vencer o Atlético-PR, por 2 a 1, na noite deste sábado, no Pacaembu. Com o resultado, o Tricolor voltou a respirar aliviado após sair da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Petros se lesionou durante a derrota para o Atlético-MG, na última quarta, em Belo Horizonte. Ainda na capital mineira, o jogador de 28 anos iniciou o tratamento, que se deu até em horários alternativos. Mesmo assim, não alcançou condições ideais para estar em campo, o que o levou a fazer um pedido ao técnico Dorival Júnior.

“Senti a lesão no primeiro lance do jogo contra o Atlético-MG, e consegui jogar o jogo inteiro. Já comecei o tratamento pós-jogo, ficamos tratando lá até quase 3 da manhã. Neste momento, todo esforço é válido. Tudo que for para somar. Assumi a responsabilidade, falei para ele que aguentava jogar e, graças a Deus, aguentei”, revelou o camisa 6, na zona mista do Pacaembu.

“A lesão foi um estiramento na posterior esquerda. Não é uma lesão tão grave, mas, normalmente, iria necessitar de duas semanas de recuperação, mas assumi total risco. Agradeço ao pessoal do Reffis. Fiquei três dias, manhãs e noites, tratando para poder chegar em condições. Graças a eles, também, consegui fazer, talvez, não o meu melhor, porque tinha algumas limitações, mas consegui ajudar da minha maneira”, prosseguiu o atleta, que foi exaltado por Dorival.

“Assumi a responsabilidade. É claro que existia um risco muito grande de a minha lesão se agravar, mas, neste momento, é o que temos conversado: São Paulo acima de tudo. Hoje era o jogo mais importante. Não podemos ficar pensando nos próximos jogos porque, para chegar aos próximos jogos, teríamos que vencer hoje, senão não seria só uma vitória para sair da zona, seriam duas”, explicou.

Titular em todas as 18 partidas desde que chegou ao clube do Morumbi, Petros continuará o tratamento neste domingo, no Reffis do CCT da Barra Funda. Ele quer estar 100% fisicamente para o confronto com o Fluminense, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), pela 29ª rodada da competição nacional.

“Joguei com muita dor, mas fiquei feliz pela vitória. Amanhã (domingo) estarei lá tratando. Faz parte do futebol. Fico feliz e não me arrependo porque foi válido o esforço, principalmente por ver a alegria dos meus companheiros no vestiário e do torcedor no final do jogo”, comemorou.

Outro que jogou no sacrifício foi Éder Militão. O lateral direito também não havia participado dos treinos de quinta e sexta-feira com os companheiros. Mas, diferentemente de Petros, o jogador de 19 anos ficou receoso de entrar em campo na última noite.

“A diferença é que o Militão é um jogador jovem, e ele estava um pouco com medo, mas isso é muito pessoal. O jogador vai conhecendo seu corpo com o passar dos anos. Sou um cara que nunca tive lesão, e meu limiar de dor é muito bom”, afirmou Petros.

Assim como o companheiro, Militão vai fazer tratamento no Reffis para estar à disposição diante dos cariocas. “Senti um incômodo, estava atrapalhando para correr. Achei melhor falar, porque temos ainda um campeonato muito grande pela frente. Se Deus quiser, com tratamento bom que o São Paulo faz, vai estar tudo certo para quarta-feira”, projetou.

Aliviado pela vitória, o São Paulo folga neste domingo – com exceção de Petros – e iniciará a preparação para o embate com o Fluminense nesta segunda-feira à tarde. Independentemente dos resultados deste domingo, o Tricolor terminará a 28ª rodada do Brasileirão fora da zona de rebaixamento.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Petros revela noites em claro para jogar: “São Paulo acima de tudo”

  1. Confesso que não acreditava muito nessr jogador mais está jogando com muita determinação ,além da boa técnica que possui,é isso ai Petros continue assim está ganhando a torcida tricolor.

  2. Este sim está com disposição para reverter a situação do clube junto a Hernandes e Pratto que falta faz jogadores como foi Cicinho, Mineiro , Alex Silva!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*