Jogadores em baixa devem perder espaço para reforços no São Paulo

Em meio a uma reformulação no elenco, o São Paulo deve ter ao menos uma mudança por setor nos próximos jogos. Isso porque nos últimos dias a diretoria tricolor presenteou Rogério Ceni com reforços, cujas posições preenchem defesa, meio-campo e ataque.

Maicosuel, Denilson, Robert Arboleda, Jonatan Gomez e Petros foram contratados no mês de junho, sendo os três últimos apresentados nesta semana. O trio, inclusive, desembarca no Morumbi com status de titular. Há ainda a possibilidade de chegar mais um zagueiro para compor o plantel – este pode ser Aderlan Santos, do espanhol Valencia.

Arboleda, Petros e Gomez seriam encaixados tanto no 4-3-3, esquema utilizado quando há necessidade de se montar um time mais ofensivo, como foi no último domingo diante do Fluminense, quanto no seguro 3-4-3, sistema preferido de Ceni diante de equipes mais qualificadas.

Na primeira situação, considerando as preferências do treinador e o atual momento dos jogadores, a escalação do São Paulo teria Renan Ribeiro; Araruna, Arboleda, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Jucilei, Thiago Mendes e Petros; Gomez, Lucas Pratto e Cueva.

Já na segunda opção a formação seria assim: Renan Ribeiro; Arboleda, Lugano e Rodrigo Caio; Araruna (Marcinho), Jucilei, Petros e Júnior Tavares; Gomez, Lucas Pratto e Cueva.

Ficariam de fora, portanto, alguns jogadores que já foram titulares, mas que, no momento, estão em baixa, como são os casos de Bruno, Buffarini e Cícero. Maicosuel, por sua vez, deve demorar mais algumas semanas para entrar na briga por uma vaga, já que segue processo de reequilíbrio muscular no Reffis, enquanto Denilson ainda tenta ganhar espaço.

No entanto, as mudanças não deverão acontecer já no embate deste domingo, contra o Flamengo, na Ilha do Urubu. Isso porque dificilmente os contratos de Arboleda, Gomez e Petros aparecerão no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF até sexta-feira, quando se encerra o prazo de regularização. Sendo assim, a tendência é que o trio esteja apto física e juridicamente para jogar somente no clássico diante do Santos, dia 9 de julho, na Vila Belmiro.

A expectativa de comissão técnica, diretoria e torcida é que, com os reforços, o time tricolor suba de produção e saia da situação em que se encontra no Campeonato Brasileiro, do qual é o 16º colocado, com 11 pontos ganhos, apenas um acima da zona de rebaixamento.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Jogadores em baixa devem perder espaço para reforços no São Paulo

  1. Espero que o Maicossuel consiga equilibrar sua musculatura em tempo de fazer a próxima pré-temporada de 2018; do contrário vai ficar difícil contar com ele para aquela temporada vencedora!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*