Hernanes repete primeira passagem e estreia pelo São Paulo nos EUA

Hernanes está de volta para onde tudo começou. Literalmente. Sua estreia como profissional do São Paulo foi nos Estados Unidos, assim como o jogo que abre sua quarta passagem pelo clube, às 22h desta quinta-feira (horário de Brasília), contra o Eintracht Frankfurt (ALE), pela Florida Cup.

A partida desta noite será no Al Lang Stadium, na cidade de São Petersburgo, na Flórida. Já no longínquo 2 de junho de 2004, uma equipe repleta de reservas e jovens da base representou o São Paulo em um amistoso contra o Los Angeles Galaxy, em Los Angeles. Foi a primeira aparição do Profeta entre os profissionais do clube.

Milton Cruz, auxiliar que dirigiu a equipe naquela ocasião, colocou Hernanes na vaga de Fábio Santos no segundo tempo. O São Paulo venceu por 1 a 0, gol do meia Rafinha, hoje no Cruzeiro. Lugano também participou do jogo e foi expulso.

A escalação teve Flávio Kretzer, Renan, Lugano e Flávio Donizete; Alê, Marquinhos, Ramalho (Marcelo), Fábio Santos (Hernanes) e Lino; Vélber (Rafinha) e Jean Carlos (Robert).

Por competições oficiais, a estreia de Hernanes pelo Tricolor foi em 19 de junho de 2005, em uma vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo pelo Brasileirão, diante de pouco mais de 4 mil pessoas no Morumbi. Naquela ocasião, ele foi escalado como titular por Paulo Autuori e viu o atacante Paulo Matos marcar o gol da vitória.

Após atuar por empréstimo pelo Santo André em 2006, Hernanes iniciou sua segunda passagem pelo Morumbi em 2007. No início daquele ano, compôs um time alternativo que o São Paulo montou para jogar amistosos na índia.

Foram cinco jogos por lá, sendo o primeiro uma vitória por 3 a 0 sobre o KF East Bengal. Jean, amigo inseparável de Hernanes e hoje jogador do Palmeiras, marcou um dos gols. O Profeta foi o destaque da equipe naquela excursão, com três gols e grandes atuações nas partidas seguintes. Faltavam seis meses para o término do contrato dele com o São Paulo, que não quis correr o risco: renovou o vínculo ainda na Índia, com os termos registrados inicialmente em um guardanapo. Naquele mesmo ano, Hernanes foi titular e destaque do título brasileiro do Tricolor. Em 2008, foi campeão nacional novamente e acabou eleito o craque do torneio.

O casamento entre o ídolo e o clube foi interrompido em 2010, quando ele foi vendido à Lazio (ITA). Em 2017, após passagens pela Inter de Milão e pela Juventus, o meio-campista foi emprestado pelo Hebei China Fortune ao Tricolor por seis meses. Sua terceira passagem começou com uma vitória emocionante sobre o Botafogo, por 4 a 3, no Engenhão, com direito a um golaço dele.

Após retornar ao clube chinês no início de 2018, Hernanes teve seus direitos adquiridos pelo Tricolor e assinou um contrato em definitivo válido por três temporadas. Sua trajetória pelo clube, até o momento, registra 242 jogos, 131 vitórias, 56 empates, 55 derrotas e 47 gols.
Fonte: Lance

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*