Conselheiros pedem reunião extraordinária para discutir déficit orçamentário

Um grupo de conselheiros ligados à oposição protocolou, nesta quinta-feira, um ofício pedindo ao presidente do Conselho Deliberativo, Marcelo Pupo, que convoque uma assembléia extraordinária para que a diretoria explique, em 30 dias, o déficit apresentado nas contas de agosto.

O tema deveria ter sido discutido na Assembleia da última segunda-feira, mas os diretores executivos e o presidente Leco saíram da reunião para que os conselheiros votassem alguns contratos e não mais voltaram.

A saída de Leco gerou indignação em muitos conselheiros, não só da oposição, como alguns da própria situação.

No requerimento apresentado nesta quinta-feira os signatários citam que é certo que, “até setembro último, o excesso na execução do orçamento aprovado pelo Conselho Deliberativo em muito superou os 5% que o artigo 137, parágrafo 2º, do Estatuto Social, isenta de procedimento para apuração de responsabilidades, não podendo os requerentes quedarem inertes e esperando que seja desfeito até o final do exercício, com alguma milagrosa e improvável venda de jogadores e vultosa receita”..

Segue o requerimento dizendo que “se assim agirem, no aguardo do exame anual de contas da Diretoria, como prevê o artigo 58, alínea “I”, do mesmo estatuto, não estarão cumprindo seu dever de representação dos associados do SPFC, como lhes atribui o artigo 51, do mesmo estatuto, e, por isso, poderão, até, ser responsabilizados por omissão ao não deliberar sobre fortes indícios de liquidez patrimonial, em excessivo desacordo com a proposta aprovada ainda em 2018.”

Com base nesses artigos, o grupo de conselheiros pediu a instauração de processo para apurar responsabilidades individuais por excesso superior a 5% na execução do orçamento aprovado.

O presidente do Conselho Deliberativo ainda não se manifestou a respeito.

 

Paulo Pontes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.