Com três zagueiros, Tricolor visita o Rosario Central pela Sul-Americana

Passados o impacto da dura eliminação para o Corinthians na semifinal do Campeonato Paulista e o tropeço diante do Atlético-PR no jogo de ida da quarta rodada da Copa do Brasil, o São Paulo visita o Rosario Central nesta quinta-feira, no estádio Gigante de Arroyito, às 21h30 (de Brasília), em sua estreia na atual edição da Copa Sul-Americana. Para a partida, o técnico Diego Aguirre optou por mudar o esquema tático e colocará em campo três zagueiros: Militão, Rodrigo Caio e Arboleda.

Na Argentina, o Tricolor terá a missão de quebrar um longo tabu. A última vitória do São Paulo no país vizinho aconteceu há 13 anos, em 2005, quando o time então comandado por Paulo Autuori bateu o River Plate por 3 a 2 no Monumental de Núñez, no duelo de volta da semifinal da Copa Libertadores – na sequência, o clube do Morumbi acabou ficando com o título ao vencer o Atlético-PR na decisão.

Além disso, a partida também marcará o reencontro de São Paulo e Rosario Central. Em 2004, as duas equipes protagonizaram um duelo emocionante pelas oitavas de final da Libertadores. Após perder o confronto de ida por 1 a 0, o Tricolor decidiu a classificação em casa e, depois da vitória por 2 a 1 no tempo regulamentar, avançou na disputa de pênaltis.

Para a partida desta quinta-feira, o técnico Diego Aguirre mudará  o esquema, optando pelo 3-5-2. No único treino em solo brasileiro aberto à imprensa nesta semana, o comandante uruguaio sinalizou a equipe com Sidão; Militão, Rodrigo Caio e Arboleda; Régis, Petros, Jucilei, Liziero e Reinaldo; Nenê e Tréllez. Valdívia, que também integrou o conjunto no treinamento, deve ser opção, uma vez que acabou de se recuperar de um estiramento na coxa esquerda.

Se o São Paulo preferiu adotar o mistério às vésperas do confronto, o Rosario Central não viu qualquer problema em divulgar o time que irá a campo em sua estreia na atual edição da Sul-Americana. Em entrevista coletiva concedida nesta terça, o treinador do time argentino, Leonardo Fernández, foi questionado sobre quais seriam os 11 atletas que iniciariam a partida e não titubeou.

Tobio (d), ex-Palmeiras, enfrentará o São Paulo pelo Rosario Central (Foto: Divulgação)

A escalação será a seguinte: Ledesma; Gomez, Tobio, Cabezas e Parot; Lovera, Lopez e González; Carrizo, Zampedri e Marco Ruben.

O comandante do Rosario Central também comentou sobre as características do São Paulo e o que espera do rival. Na visão do treinador argentino, o Tricolor deverá brigar pela posse de bola mesmo jogando fora de casa.

“É uma equipe que mudou de treinador e tem variado bastante a formação tática. Em algumas partidas jogou no 4-3-3, em outras 4-1-4-1, em outras no 4-4-2… é uma equipe da qual se espera muito, não deverá ficar só atrás, não vão ceder a posse de bola e temos que ter paciência para explorar a profundidade pelos lados”, disse Leonardo Fernández.

FICHA TÉCNICA
ROSARIO CENTRAL (ARG) X SÃO PAULO

Local: estádio Gigante de Arroyito, em Rosário (Argentina)
Data: 12 de abril de 2018, quinta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Victor Carrillo (PER)
Assistentes: Michael Orué (PER) e Stephen Atoche (PER)

Rosario Central: Ledesma; Gomez, Tobio, Cabezas e Parot; Lovera, Lopez González e Carrizo; Zampedri e Marco Ruben.
Técnico: Leonardo Fernández

São Paulo: Sidão; Militão, Rodigo Caio e Arboleda; Régis, Jucilei, Petros, Liziero e Reinaldo; Nenê e Tréllez.
Técnico: Diego Aguirre

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*