Com Ney Franco, São Paulo tenta explorar 100% da capacidade de ‘quarteto olímpico’

Bruno Uvini, Casemiro e Willian José. Junte estes três ao meia-atacante Lucas e tente buscar alguma boa lembrança do quarteto com a camisa do São Paulo. Atuando juntos, será quase impossível, mas o novo treinador do clube, Ney Franco, sabe bem como trabalhar o potencial de cada um dos jogadores.

Foi sob o comando de Ney Franco que eles tiveram o melhor desempenho de suas carreiras. No Sul-Americano sub-20 disputado em janeiro do ano passado, no Peru, os quatro eram titulares da seleção e conquistaram não só o título como também carimbaram o passaporte da seleção brasileira nos Jogos Olímpicos de Londres.

Bruno Uvini era o capitão da equipe e xerife da zaga. Seguro, chegou a ser apontado como uma das principais revelações do setor no Brasil. Foi emprestado ao Tottenham (ING), mas voltou ao São Paulo e ainda não conseguiu se firmar.

História similar vive Willian José. À época do Sul-Americano, o atacante havia acabado de assinar com o Tricolor após se destacar com a camisa do Grêmio Prudente. Reserva nos primeiros jogos, ganhou confiança e a vaga de titular, barrando o também são-paulino Henrique – este já negociado.

Já no São Paulo demorou a deslanchar e hoje sofre com a concorrência de Luis Fabiano. Com o novo comandante, pode mostrar seu potencial e retomar a confiança que o fez marcar três vezes no Sul-americano, assim como Casemiro. Dos quatro, o volante só não teve mais oportunidades que Lucas, mas ainda assim esbarra em sua irregularidade.

Titular absoluto de Ney Franco em 2011, Casemiro era dado como certo na lista final dos Jogos Olímpicos, mas acabou apenas com uma vaga entre os quatro suplentes.

Casemiro foi elogiado pela sua boa participação no Sul-Americano, mas caiu de produção no decorrer a temporada. Com fama de marrento, prometeu melhorar e até conseguiu por algum tempo. No entanto, nem mesmo com a saída de Leão ele conseguiu uma vaga no time titular. Perdeu o lugar para Maicon.

Mesmo Lucas, principal destaque do São Paulo e considerado a joia mais valiosa do clube, já mostrou que pode render mais.

Foi nas mãos de Ney Franco que ele desabrochou de vez para o futebol e fez uma parceria praticamente perfeita com Neymar. Lucas chegou até mesmo a ofuscar o desempenho do santista em alguns jogos da campanha no Peru.

Ney Franco, porém, ainda pode demorar a ter o quarteto à disposição. Se não comandar o time já no domingo, contra o Coritiba, o treinador terá apenas Casemiro e Willian José para as próxima rodadas, já que Lucas e Bruno Uvini, convocados por Mano Menezes, desfalcarão o São Paulo da 9ª a 17ª rodada.  Eles voltam apenas em agosto, provavelmente para o duelo contra a Ponte Preta em 18 de agosto.

Fonte: Uol

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*