Com dúvidas na escalação, São Paulo encara o embalado Sport

O São Paulo avançou na Copa Sul-Americana, mas mantém o foco no Brasileirão. Disputando simultaneamente as duas competições que dão vaga à próxima Libertadores, o Tricolor quer assegurar a vaga no G4 da competição nacioanl depois da partida contra  Sport, neste sábado, às 18h30, na Ilha do Retiro, pela 33ª rodada. Embalados por duas vitórias consecutivas, os pernambucanos buscam sair da zona de rebaixamento.

Com 55 pontos e na quarta posição, o clube do Morumbi abriu cinco para o Vasco, o quinto colocado. Já o Rubro-negro aparece no 17º lugar, com 33 pontos e cobiça igualar o Bahia, que está com três acima.

SPORT EMBALADO E COM NOVIDADES

Ocupando a primeira posição dentro da zona de rebaixamento, o Sport recebe o São Paulo neste sábado e tem mais uma oportunidade de sair desta desconfortável posição. Para isso, o Leão precisa vencer o Tricolor paulista e torcer por uma derrota do Bahia no encontro com o Grêmio. Sabendo da importância da partida para a pretensão do Rubro-negro, o técnico Sérgio Guedes decidiu fazer mistério para tentar surpreender os rivais.

– Os atletas já sabem o que é possível e o que é preciso fazer. Fizemos algumas mudanças baseadas no que observamos do nosso adversário. Posso adiantar apenas que trabalhamos para ter um time muito organizado taticamente – afirmou o treinador, sem dar muitas pistas sobre a equipe que entrará em campo.

Apesar do mistério, a tendência é de que Sérgio não mexa muito em sua equipe. O treinador tem alguns desfalques, mas não deve mudar o sistema tático que o time vem utilizando. Sem poder contar com Gilsinho, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Diego Ivo, Renan Teixeira e Magrão, lesionados, o treinador promoveu as entradas de Bruno Aguiar na zaga e de Gilberto no ataque.

A surpresa ficou por conta da possível estreia do atacante Sandrinho, jogador das categorias de base do clube.

– O Sandrinho é um jogador da base que vem nos agradando bastante e mostrando potencial nos treinamentos. Ele está na relação e pode ser que seja utilizado – declarou o treinador.

DÚVIDAS NA ESCALAÇÃO SÃO-PAULINA

Após garantir a classificação às quartas de final da Copa Sul-Americana, o São Paulo troca o chip e volta as atenções para o Brasileirão. A equipe encerrou a preparação com um descontraído rachão e, em seguida, alguns atletas optaram por cobranças de faltas e pênaltis. Para a partida, o técnico Ney Franco contará com o retorno de Luis Fabiano. Ele saiu durante o intervalo na última rodada. Os médicos do clube apontaram fadiga na coxa esquerda, e o atleta já está recuperado.

Sem Jadson, que cumpre suspensão, Ney trabalha com a possibilidade de deslocar Lucas para o meio de campo e encaixar Douglas mais avançado, pela direita. Com isso, o esquema 4-2-3-1 é mantido. Mas, Osvaldo machucou a coxa esquerda e sequer treinou na sexta-feira. O camisa 17 viajou com a delegação para Recife, mas é dúvida. Maicon e Cícero surgem como opção para a vaga, caso o atacante seja vetado.

Após perder para o Flamengo, fora de casa, o treinador são-paulino quer repetir o padrão de jogo exibido na vitória contra o Vasco, por 2 a 0, na 29ª rodada, para conquistar os três pontos e se manter na zona de classificação à Libertadores.

– A nossa referência é o jogo contra o Vasco. A gente quer que nossa equipe jogue fora como joga dentro de casa. Conversamos muito sobre isso. A referência é o jogo contra o Vasco. Fazer marcação avançada e ter competência para roubar a bola próximo do gol adversário. No momento de defender, defender forte. Saber jogar com essa transição, saber jogar lá em cima, saber voltar. O Cicinho cresceu muito, ele adaptou um volante pelo lado direito ali, que é o Moacir. Temos de fazer esses encaixes de marcação. Diminuir o número de erros de passes – analisou o treinador, destacando o lateral que foi campeão Mundial pelo Tricolor.

A preocupação gira em torno do número de atletas pendurados. São onze: Rogério Ceni, Ademilson, João Filipe, Maicon, Osvaldo, Rodrigo Caio, Paulo Assunção, Douglas, Rafael Toloi, Wellington e Ganso.

FICHA TÉCNICA
SPORT X SÃO PAULO

Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Data/horário: 27/10/2012, às 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (SC) e Ivan Carlos Bohn (PR)

SPORT: Saulo; Cicinho, Aílson, Bruno Aguiar e Renê; Tobi, Rithely, Moacir e Hugo; Felipe Azevedo e Gilberto. Técnico: Sérgio Guedes.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Denilson, Wellington, Douglas, Lucas, Osvaldo (Maicon ou Cícero); Luis Fabiano. Técnico: Ney Franco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*