Atento após derrota no Estadual, São Paulo estuda Moto Club com vídeo

Surpreendido na estreia do Campeonato Paulista ao ser derrotado por 4 a 2 para o Grêmio Osasco Audax, o São Paulo quer evitar nova decepção na Copa do Brasil. Para isso, o técnico Rogério Ceni tem um vídeo em mãos para passar as principais informações sobre o Moto Club aos seus jogadores. As equipes se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Maranhão, pela primeira fase do torneio nacional, do qual o Tricolor jamais foi campeão.

“É um título que o São Paulo não tem, temos que entrar ligados para não repetir os erros que cometemos no Paulistão. Temos que começar com o pé direito na Copa do Brasil”, alertou o volante Thiago Mendes, escondendo a escalação para a partida.

“Vocês (jornalistas) só vão saber na hora do jogo”, afirmou, referindo-se ao mistério que se faz em torno do substituto do lesionado Wellington Nem. O meio-campista ainda promete muita atitude por parte do time do Morumbi  no jogo desta noite. “Podem esperar um São Paulo aguerrido. Faltou atenção no primeiro jogo, mas dessa vez não vai faltar. É um jogo só, temos que estar ligados 90 minutos”, acrescentou.

Diferentemente das últimas edições, a Copa do Brasil 2017 terá suas duas primeiras fases disputadas em jogo único. Visitante, o Tricolor avança na competição em caso de empate em São Luís. Contudo, será eliminado caso seja derrotado. Por isso, todo o cuidado é pouco para a equipe dirigida por Rogério Ceni.

“No hotel, o Rogério vai passar um vídeo, mas sabemos bastante coisa sobre o Moto e vamos colocar em prática na hora do jogo para não sofrermos”, concluiu Thiago Mendes.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Atento após derrota no Estadual, São Paulo estuda Moto Club com vídeo

  1. Beleza, assitir video, mas se nao treinar como se deve jogar contra as possiveis armadilhas que times pequenos armam nao adiantara de nada sera mera sessao de cinema, e esse filme nos ja vimos contra o tao temido Audax, meu Deus o que nosso time se transformou, tudo bem que o time é bem armado, bem treinado, jogadores mesmo desconhecidos jogam com vontade, seguem a risca o que o treinador pede, diferente do nosso sao paulo, tudo bem tb que no ano passado somente o Santos se deu bem contra esse Audax pq armou uma armadilha sera que nao era possivel o sao paulo ter feito o mesmo ou falta qualidade para o elenco e para o treinador, fica o questionamento.

  2. “Surpreendido” pelo Audax?
    Onde andava o jornalista nas finais do paulista do ano passado quando o resultado foi ainda pior para o SP?
    Não adianta esconder time, ficar vendo vídeos dos adversários, se os jogadores não são capazes de assimilar – ou o treinador não é capaz de passar – orientações do que deve ser feito para enfrentar e ganhar o jogo.
    Minha esperança é que o Rogério Ceni aprenda depressa…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*