Após duas derrotas seguidas, Leão reconhece momento ruim do São Paulo

Depois da derrota por 1 a 0 para a Portuguesa, no Canindé, somada ainda à eliminação do Tricolor na Copa do Brasil, diante do Coritiba, na última quarta-feira, o técnico Emerson Leão reconheceu que o São Paulo vive mau momento na temporada.

– Nós não temos que esconder nossa realidade. Que não está dando certo, não está dando certo. Que algumas coisas deixaram de acontecer, dentro de campo deixaram de acontecer. Caímos de rendimento. (Para se recuperar) Tem que ser com dignidade, com paciência, tem que ser com tudo aquilo o que temos de dentro pra fora e não nos importarmos com aquilo que vem de fora – disse Leão, após o revés para a Lusa.

 

Perguntado se o treinador deve ser o principal responsável por recuperar a confiança do elenco, abalado após as últimas duas derrotas, o comandante são-paulino negou que a responsabilidade seja apenas sua e ressaltou a importância de o grupo se unir no complicado momento vivido pelo clube do Morumbi.

– Não sou eu que tenho que recuperar, somos todos nós que temos que participar. Esta realidade temos que passar para o dia a dia e temos que passar para o próximo jogo. Temos uma recuperação futura e o futuro passava por hoje, e passará pelo proximo sábado. Tenho certeza que ninguem faz sucessso sem vitória – completou Leão.

Após o término do duelo no Canindé, nenhum dirigente do Tricolor se pronunciou a respeito da permanência (ou não) de Leão no São Paulo. Além disso, o técnico foi a único a conceder entrevista. Jogadores não apareceram para falar com a imprensa.
Do Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*