Aloísio pede e marca reunião com SP por aumento salarial após o Brasileiro

O atacante Aloísio deu o recado nesta quarta-feira: quer e espera ser valorizado pelo São Paulo no fim deste ano. Emprestado pela Tombense – clube usado pelo empresário Eduardo Uram para registrar atletas – ele pede e terá uma reunião com a diretoria após o fim do Brasileirão para discutir um aumento salarial.

O argumento de Aloísio é o interesse de um clube chinês em contratá-lo. O jogador diz ter recebido proposta milionária em junho para deixar o São Paulo, e afirma que as sondagens continuam. Segundo o atacante, a oferta chinesa “mudaria a vida” e representa salário muito maior em relação ao que recebe atualmente no Morumbi.

Nesta quarta-feira, Aloísio disse no CT da Barra Funda que quer a valorização: “Se eu fiquei na primeira, espero também que as pessoas reconheçam meu trabalho e dedicação pelo clube”, falou, sobre ter recusado a proposta chinesa em junho.

O contrato de Aloísio com o São Paulo se encerra no fim de junho de 2014. Mesmo assim, a conversa para a valorização salarial acontecerá agora. A reunião, no entanto, é um pedido de Aloísio, e a diretoria não garante que o jogador terá a solicitação atendida. Antes, a diretoria de futebol afirmou que definiria a renovação do empréstimo apenas no meio do ano que vem, quando o término do vínculo estivesse próximo. Agora, no entanto, afirma que pode conversar, sem garantias de aumento.

Em 2014, seja com novo contrato ou com o atual vínculo, Aloísio deverá assumir maior responsabilidade no São Paulo. O São Paulo aceitará propostas por Luis Fabiano, se houver, e o camisa 9 também já não pensa na ideia de começar o ano na reserva. Welliton, cujo contrato de empréstimo se encerra no fim do ano, ainda não sabe se ficará – o São Paulo negocia com o Spartak Moscou (RUS). Assim, a titularidade poderá sobrar para Aloísio.

Por conta das indefinições, o São Paulo prioriza a contratação de reforços para o setor ofensivo da equipe. A necessidade maior é de um novo atleta para ser titular nas laterais do ataque, posto antes ocupado por Osvaldo e atualmente com Ademilson ou Douglas.

Fonte: Uol

Um comentário em “Aloísio pede e marca reunião com SP por aumento salarial após o Brasileiro

  1. Cara, o Aloísio não pode ser titular do SP. É muita decadência. Um ataque que já foi comandado por Leônidas da Silva, Pagão e Careca, se contentar com Aloísio como titular da camisa 9? E o tal do Welliton, então. Minha nossa! O Muricy deve estar esclerosando. Ter esperança nele como artilheiro do SP? Só se houver uma metamorfose tipo da borboleta; mas nesse caso, o casulo deve estar muito bem disfarçado. . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*