Tchê Tchê se transforma em concorrente para laterais recuperados de lesão

Recuperados de lesões que os deixaram de fora dos últimos jogos do São Paulo, Igor Vinícius e Juanfran voltaram à ativa com mais um concorrente pela titularidade na lateral direita. Sem opções para compor o setor, Fernando Diniz recorreu a Tchê Tchê, que já desempenhou essa função em outros clubes, como no Palmeiras, e ele não decepcionou o treinador, voltando até mesmo a balançar as redes depois de um longo período de seca, no último domingo, na goleada por 4 a 1 sobre o Flamengo.

Juanfran volta a ficar à disposição para uma partida do Campeonato Brasileiro depois de um mês. O lateral-direito sofreu um estiramento no ligamento colateral medial do joelho esquerdo durante a vitória por 3 a 0 sobre o Atlético-GO e voltou a ser relacionado para uma partida na última quarta-feira, na vitória por 4 a 3 sobre o Lanús, pela Sul-Americana, mas não entrou em campo.

Já Igor Vinícius sofreu uma contratura muscular no empate em 3 a 3 com o Fortaleza, jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, uma semana depois de Juanfran ter se machucado. A partir daí, o técnico Fernando Diniz se viu obrigado a fazer improvisações no setor. O camisa 2 do Tricolor voltou ao banco de reservas contra o Flamengo, no Maracanã, mas não foi acionado no Maracanã, tampouco na última quarta-feira, contra o Lanús.

Contra o Grêmio, no Morumbi, sem Juanfran e Igor Vinícius, Diniz, enfim, optou por escalar Daniel Alves como lateral-direito. Porém, o desempenho da equipe não agradou, e o treinador são-paulino acabou escolhendo Tchê Tchê para atuar improvisado, assim como já fez no Palmeiras e até mesmo no Audax, com o mesmo técnico que o comanda atualmente.

Vindo de cinco jogos como titular na lateral direita do São Paulo, Tchê Tchê conseguiu até mesmo acabar com a sua seca de gols que durava quase um ano e meio. Na goleada por 4 a 1 sobre o Flamengo, o camisa 8 marcou um golaço, batendo no ângulo de Hugo Souza, para empatar a partida no Maracanã. A última vez que o volante havia balançado as redes foi justamente contra o time rubro-negro, em maio do ano passado.

Tendo o Goiás pela frente neste domingo, no Morumbi, iniciando o segundo turno do Campeonato Brasileiro dependendo apenas de si para liderar a competição, o São Paulo chega para partida com a grande dúvida na lateral direita: Tchê Tchê ou o retorno de um dos laterais de ofício. Escolha importante para Fernando Diniz, que carrega sobre seus ombros a pressão de ter sofrido mais uma eliminação na última quarta-feira.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Tchê Tchê se transforma em concorrente para laterais recuperados de lesão

  1. Eu ví que belo lateral direito ele pode ser, dois gols do Lanus sairam dos pés desse bosta de jogador, porque o IDIOTA PARDAL ao invés de colocar um lateral de ofício mais uma vez improvisou, ou seja, por imbecilidade desse treinero de merda o SPFC foi eliminado novamente.
    Técnicos imbecis morrem abraçados com seus queridos jogadores mesmo não rendendo, por isso são fracassados e nunca serão campeões de nada.
    Estou contando os dias pra que esse PALHAÇO metido a técnico caia fora, junto com o outro IMBECIL do Raí, o Pássaro porquinho e o DESASTRE Lecú!!!

  2. Pelo visto continuamos com problemas na lateral direita, pois esse tchê tchê não é sombra para ninguém!!!

    E na lateral esquerda também estamos muito mal servido com a avenida kingnaldo!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.