Organizada do São Paulo ataca Raí, Lugano, Diniz e Daniel Alves em nota

A eliminação do São Paulo nas quartas de final do Campeonato Paulista já trouxe pressão para a diretoria, comissão técnica e jogadores. Após a derrota por 3 a 2 para o Mirassol, a torcida organizada Independente publicou uma nota em suas redes sociais na qual critica severamente diversos nomes do Tricolor.

Os primeiros alvos da publicação foram Raí e Lugano. A organizada atacou o diretor-executivo de futebol e o superintendente de relações internacionais, dizendo que ambos são uma “vergonha” como dirigentes e pedindo que a dupla se demita.

Diniz também não passou impune no post da Independente. Na nota, a torcida escreveu que o comandante do Tricolor é um “treinador que onde passa, fracassa”, dando um recado para os são-paulinos: “Acorda, torcedor”.

Dentre os jogadores, Daniel Alves foi o primeiro a ser citado. O camisa 10 foi criticado por conta de seu alto salário: “Veio para quebrar o São Paulo ou ser campeão?”. Além disso, Juanfran foi chamado de “tiozinho do churrasco” e Alexandre Pato foi questionado: “Quando vai virar profissional?”.

Com a eliminação para o Mirassol, o São Paulo ainda disputará nesta temporada o Campeonato Brasileiro, a Libertadores e a Copa do Brasil. O Tricolor voltará a campo apenas no dia 9 de agosto, quando enfrentará o Goiás, fora de casa, pela primeira rodada do Brasileirão.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.