Diniz faz diagnóstico da derrota do São Paulo: ‘Erros que cometemos’

Fernando Diniz não saiu satisfeito com sua equipe na noite desta quarta (28). Na Argentina, o Tricolor foi derrotado pelo Lanús por 3 a 2 e saiu em desvantagem no confronto da segunda fase da Copa Sul-Americana. Na visão do treinador, o resultado negativo deve entrar na conta dos erros cometidos pelo sistema defensivo nas bolas paradas.

– O motivo da derrota foram erros que cometemos, principalmente na bola parada. A gente teve um gol anulado de forma no mínimo questionável. A gente teve uma expulsão que era para ser dada. A gente tem evoluído, mas precisa melhorar o nosso sistema em termos de tomar gols – argumentou o treinador, demonstrando seu descontentamento também com a arbitragem.

O São Paulo saiu na frente do placar, mas levou a virada no segundo tempo. Já no fim da partida, nos minutos finais, Brenner empatou a partida em Lanús, mas o Tricolor sofreu o gol nos acréscimos em um lance de bola parada.

Outro ponto debatido na coletiva do técnico Fernando Diniz foi o hiato de partida do Lanús. O clube argentino não disputava um jogo oficial desde março e, depois da pandemia, realizou apenas quatro amistosos antes de medir forças com o São Paulo pela Copa Sul-Americana. O comandante tricolor minimizou a situação.

– A gente pode falar que estamos em uma sequência muito carregada de jogos. Estávamos cansados, e o Lanús descansado. Depende do contexto. O motivo da derrota foram erros que não poderíamos ter cometido, principalmente na bola parada – concluiu Diniz.

O jogo de volta acontece na próxima quarta (4), no Morumbi. O Tricolor precisa vencer por dois gols de diferença para ficar com a vaga, ou garantir um triunfo por 1 a 0 ou 2 a 1. Em caso de vitória são-paulina, por 3 a 2, o confronto vai para as penalidades. Qualquer outro resultado classifica o Lanús para as oitavas de final da Copa Sul-Americana.

5 comentários em “Diniz faz diagnóstico da derrota do São Paulo: ‘Erros que cometemos’

  1. Pior que basta uma vitoria simples que classificamos e ai seu diniz fica mais uma tempo, pior quero ver o jogo contra o flamengo, vai ser duro de assistir, vai ser dificil nao passar vergonha de novo.

  2. O estoque de desculpas desse treineiro maluco está esgotado. Enfim, ele admitiu os erros do time. Até então o discurso era mais posse de bola, ganhamos o 2o.tempo, dominamos o adversário, etc.. A minha pergunta se resume a somente um questionamento: ATÉ QUANDO VOU TER QUE AGUENTAR ESSE APRENDIZ MALUCO ????

  3. Se o time tava cansado pq não rodou e mudou um pouco o time e colocou ordem na casa? Não colocou o Rodrigo Nestor no meio? Leo pele no lugar do Reinaldo? Põe os garotos e aproveita a falta de ritmo do adversário… tão “moderno” mas sempre apegado aos msm jogadores e ao sistema de jogo….

    E dá uma descansada pro Dani…

    Cansa esse blablabla do Diniz sendo que ele que pode fazer as mudanças que o time precisa….

  4. O problema não são os erros, o maior problema é vc não consegui corrigir os erros, sinal que vc não tem o elenco na mão e esta na mão do Daniel Alves e mais alguns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.