A estreia de Bauza, a eliminação na Copinha e a entrevista de Leco.

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, vou dividir este meu comentário em três partes: a vitória em Assunção sobre o Cerro Porteño por 1 a 0, na estreia de Edgardo Bauza como nosso técnico; a derrota para o Flamengo por 2 a 0 e consequente eliminação na Copa São Paulo de Juniores; e a bombástica entrevista de Leco à Folha de São Paulo.

Começo pelo jogo do Paraguai. Não teria o menor cabimento querer fazer aqui qualquer avaliação do trabalho de Edgardo Bauza. Estamos em pré-temporada, com apenas 14 dias de treinamentos, que foi o tempo para que ele conhecesse o elenco, e não seria, portanto, justo avaliar seu trabalho.

Mas nesse pouco tempo já foi possível ver que a defesa ficou mais consistente. Breno é lento, mas Mena, que joga bem mais recuado do que Carlinhos, dá a cobertura pelo setor. Hudson ficou bem mais preso e, dos volantes, apenas Thiago Mendes teve liberdade para aparecer no ataque. Aliás, mais uma vez foi o principal nome do time, não só pelo gol marcado, mas pela disposição técnica e tática.

Bauza deu a entender que vai usar Carlinhos mais avançado, quando for necessário e que o meio de campo deverá funcionar com cinco jogadores, ou seja, Michel Bastos e Centurion partirão do meio para a frente, onde Alan Kardec ficará quase isolado. E vi Ganso com liberdade para atuar em qualquer setor do campo, mas dando combate na defesa. Foi um bom aperitivo.

Já o time da Copinha decepcionou. Alguns jogadores, principalmente. Me lembro que logo após o final da primeira fase indiquei, aqui mesmo, os nomes de Lucas Fernandes – um craque -, Johanderson – um modelo renovado de Serginho Chulapa -, Bangulê – um tipo Chicão -, e David Neres – uma grande surpresa -, como nomes prontos para treinarem com o time profissional. Alguns leitores incluíram Inácio nesse rol.

Vou refazer minha análise, com os devidos pedidos de desculpas. Lucas Fernandes é o craque dos jogos fáceis. Quando precisamos dele, desapareceu; Banguelê não teve controle emocional e só não foi expulso por bondade do árbitro do jogo com o Flamengo; Johanderson  não consegue dominar uma bola e erra todos os passes; Inácio acha que joga mais do que joga e afundou o time com seu erro numa saída de bola; portanto, sobrou David Neres. Esse, sim, eu levaria para cima. Os outros precisam de mais um ano em Cotia.

Enquanto isso, Carlos Augusto de Barros e Silva concede uma entrevista à Folha de São Paulo e confessa que o clube dá dinheiro para o carnaval da Independente e Dragões da Real e ingressos para jogos aqui e fora. Ou seja: é conivente com a violência.

Tenho que elogiar a sinceridade de Leco, que tornou público o que o São Paulo sempre fez – e escondeu – e o que os outros clubes fazem – e escondem -. Mas não posso aprovar essa cultura.

Vou me ater aqui apenas ao São Paulo, objeto do Tricolornaweb, deixando os outros a quem de direito. Sempre soube que Juvenal Juvêncio financiava as torcidas organizadas, apesar dele sempre negar. Disse aqui mesmo que Carlos Miguel Aidar quebrou esse elo num primeiro momento, mas o trouxe de volta para receber apoio e não cair. Agora Leco deixa tudo às claras.

Triste, muito triste saber que isso ocorre. Que através do medo, esses marginais das organizadas comandam o nosso futebol, obrigam jogadores a fazer o seu símbolo e a diretoria a servir seus anseios. Enquanto isso usam o escudo do clube para ganhar dinheiro com a venda de camisas e outros que tais, sem pagar qualquer tipo de royalty.

isso reforça a tese que defendi, de que o São Paulo deveria ter sido excluído da Copinha após os incidentes de Mogi das Cruzes. Ora, se o clube financia esse bando, é conivente e responsável por ele. Portanto…

É o tal negócio: se não podemos com eles, nos unamos a eles. Assim as organizadas se fortalecem e os verdadeiros torcedores, aqueles que amam o clube, se afastam dos estádios. Parabéns, Leco, pela transparência. Meus sentimentos, Leco, por ser mais do mesmo.

13 comentários em “A estreia de Bauza, a eliminação na Copinha e a entrevista de Leco.

  1. Aqui ajudar bandidos e se esconder atras deles e´uma pratica comun,
    por essa e outras seremos daqui para a frente
    ” o Paiz naó do futuro, e sim da esculhambacao, rumo ao nada, â desintegracao moral, social, economica, falta de civismo e interesse ao respeito e a honestidade, como gente de respeito ja vinha alertando num passado longinquo e tambem proximo, isso a ninguem interessa, vamos sim em busca da desintegracao total.”

    ca

  2. Não sei como e onde o PP assistiu ao jogo da copinha.
    O time fez um péssimo primeiro tempo mas no segundo jogou muito mais que o Flamengo, tendo tomado o gol no final, em virtude de estarem pressionando com todo o time no ataque, já que perder por um ou por mais gols não faria diferença.
    O Banguelê com uma perna quebrada joga muito mais que o Hudson e o Wesley juntos; e não custa quase nada. O Lucas Fernandes eu já o criticava, aqui, por sua falta de “pegada”; de interesse; de intensidade; mesmo reconhecendo que ele sabe jogar, não fiquei decepcionado com sua “sumida” nos últimos jogos – os que valiam (mais um Ganso da vida). Decepção mesmo foi o Joanderson que não jogou nada e, parece, que deveria se preocupar com os estudos porque como centroavante não vai dar (segunda copinha que decepciona: não vai haver nova chance pra ele). Concordo com o PP quanto ao David Neres: é uma jóia que, bem lapidada, vai dar muitas alegrias ao tricolor. A meu ver, Neres e Banguelê teriam que ser titulares dos profissionais (muito melhores que Hudson e Centurion)…

  3. Quanto ao Leco, esta prezando pela transparecia como pregou em sua campanha estando a atitude certo ou errada, ajuda a organizada, remuneração do Gustavo, entre outros. Eu acho muito errado ajudar as organizadas ou qq torcedor que seja, a ideia é justamente ao contrário os torcedores que devem ajudar o clube ! Qual a diferença de um torcedor normal, para uma organizada, um paga o pay per view, paga a camisa do clube, paga o sócio torcedor, torce, apoia, o outro não paga nada disto protesta, briga, depreda, ameaça — estranho !
    Copinha — assim como quando ganhou os dois torneios e fez grande primeira fase, e todo mundo elogiou, é muito cedo para falar quem pode, ou quem pode não pode dar certo, é por isto que o Santos revela e o São Paulo não…o Santos foi eliminado e daí…o São Paulo foi eliminado e a turma não presta não joga, não esta pronta, etc… Calma gente ! tem que ter paciência, nenhum deles ainda é jogador formado, já querem receber como sendo mas não são….

  4. paulo de tharso, concordo com você em 99% e 1% que descordo e que infelizmente ninguém do sub-20 tem chance de jogar no profissional esse ano quem sabe 2017

    abraços para você

  5. Uma vergonha dar dinheiro para estes bandidos da torcida, daqui a pouco o Dr Paulo Schimit vai chamar o Leco para depor e processar o São Paulo, afinal estão aí lutando para acabar com estas facções e o Leco réu confesso se entrega, fala muitooooooooooo.

  6. Bom, do sub-20 eu já falei o que acho, ou seja não sobe ninguém para o profissional dica do tio Beto treina muito fundamentos do futebol .

    Vamos falar agora do profissional que se prepara para libertadores 2016 .

    Foi maravilho o jogo amistoso? Não foi, mas também não foi um desgraça total o time mostrou alguma coisa do treinador e isso e muito importante , ainda tem tempo de deixa tudo afinado para o inicio de temporada .

    Espero que aqueles que pediram o lugano no soberano tem vergonha na cara e não vaiem o cara se ele não for o lugano de 2005.

    Eu não teria contratado lugano mais já que veio toda sorte do mundo para você no soberano

    Para aqueles que acham que conhecer de futebol deixo aqui uma pergunta :porque o grande GIL das frangas foi para china e ninguém da Europa quis ele ? Já o Rodrigo caio que alguns que acham que sabem de futebol criticam tanto tem três proposta da Europa incluindo atlético de Madri .

    Pra sempre soberano

  7. O resultado do jogo contra o Flamengo já era esperado, afinal vinhamos de um empate com o Taboão e uma vitória questionável por 1×0 contra o Figueirense.
    Algumas observações:
    – o último zagueiro que sabe jogar que revelamos foi o Rodrigo Caio, que tem 23 anos, portanto há 4 anos. Todos os demais, Aislam, Bruno Uvini, e aqueles que aí estão tem exatamente a mesma característica. Grandes e limitados tecnicamente. Tenho a certeza que, se olharmos as outras categorias, sub-15 e sub-17 encontraremos o mesmo padrão. Nenhum dos atuais tem qualquer chance.
    – Inácio e Joanderson – seus empresários devem comprá-los pelo que valem e vendê-los pelo que pensam que valem. Ganharão um bom dinheiro.
    – Lucas Fernandes, tem boa técnica, mas não é meia. Não tem competitividade.
    – Matheus Queiroz – uma decepção para mim. Esperava mais dele.
    – Artur – me parece o melhor jogador do time. Tem técnica e combatividade.
    – Banguele – talvez seja o único com chance de subir pela falta que temos de jogadores para essa posição no time principal.
    – David Neres – é driblador, mas só isso não basta.

  8. Pois é…data máxima vênia…quero lembrar que ao admitir publicamente uma prática delituosa e que lesa os cofres da instituição, não o exime de culpa…no meu entender o fato de prosseguir dando andamento a mesma, é uma AGRAVANTE! Peço desculpas àqueles que entendem o contrário… mas continuo com a opinião de que dar cumprimento a uma prática lesiva também é crime contra a instituição. O fato é que estamos no Brasil, onde atos do passado até podem ser anulados mediante decreto… e onde o partido governista se defende das praticas delituosas, dizendo que apenas deu continuidade aos malfeitos ocorridos em gestões anteriores…

  9. A despeito dos títulos anteriormente conquistados pela equipe… eu não me entusiasmei. Continuo com o mesmo ponto de vista, noves fora David Neres, os demais não em condições de serem incorporados ao profissional. Ontem, o time tomou um sapeca do Flamengo, que se mostrou muito mais consistente como equipe e, principalmente, com jogadores mais qualificados tecnicamente e já maduros. Assisti todos os jogos da Copinha. Vi todos os zagueiros em ação: Tormena, Kal, Maidana e Roni. Nenhum deles tem condições de sequer treinar entre os profissionais. O goleiro ainda tem que amadurecer… dos laterais, Inácio parece ser bom jogador, apesar do erro grotesco de ontem. Do meio para frente, exceto David Neres, o restante não demonstra nenhuma condição. Joanderson é lento e limitado. Rende-se facilmente à marcação. Banguelê, Queiroz e Artur são tecnicamente limitadíssimos. Quanto á Lucas Fernandes, compactuo com a opinião do Paulo Pontes…é um jogador de jogos fáceis.

  10. “Os outros precisam de mais um ano em Cotia”? Alguns jogadores citados ( Joanderson, inácio, Banguelê, além do Foguete e do Vitor Tormena) estão estourando a idade p/ ficar no sub20. Ironicamente, David Neres, que foi sugerido p/ subir p/ os profissionais, ainda têm idade p/ ficar em Cotia. Lucas Fernandes também , mas seria uma ótima opção p/ a reserva do Ganso.

  11. Paulo Pontes,
    Continuando a subvencionar as organizadas , Leco pode dispor do dinheiro dos associados dessa forma?
    Os conselheiros não vão defender a preservação e o bom uso do dinheiro do clube?
    Continuam na mesma conivência de sempre
    Bando de medíocres.

  12. Paulo Pontes, estou de pleno acordo com você.
    Alem dos caras não pagarem para assistir os jogos, tomam conta do melhor local dentro do estadio, e quem estiver la tem que espirrar do local se não sair tiram a tapa.
    Vamos deixar o futebol para os marginais, quero ver até onde o clube suporta só com eles nos estadios.

  13. Boa análise, Paulo. O Leco parece um empresário metido na Lava Jato justificando a corrupção como parte do “sistema, como se ele não tivesse a opção de se negar a participar. Fora isso, falou demais. Não faz sentido se abrir desse jeito. Por que nossos presidentes não se calam?
    Sobre a Copa SP, o resultado importa menos. O que vale é revelar jogadores para o time de cima. E aí está o problema: parece que pouquíssimos vão virar jogador. Talvez David Neres. No entanto, o São Paulo gasta fortunas de salários com esses jogadores de base e outro dinheirão na estrutura de Cotia. Não faz sentido como investimento. É preciso evoluir na escolha dos talentos e no treinamento de fundamentos para os selecionados para que a base possa ser mais efetiva em seu papel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.