Mais uma derrota em que o time não joga nada

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, o São Paulo perdeu do Goiás por  2 a 1 e mostrou que vai ter que melhorar muito para tentar uma recuperação no Brasileiro a ponto de brigar pelo título.

O time está se perdendo na marcação. Muricy Ramalho tem um ótimo elenco em suas mãos, mas não conseguiu criar uma fórmula para  vencer retrancas. Por isso perdemos da Chapecoense, no Morumbi, e do Goiás, no Serra Dourada.

O meio campo do Tricolor, formado por grandes nomes, fica preso à marcação. Ganso não consegue jogar e os  dois volantes são muito ruins de passe. Kaká, outro componente deste setor, foi o único que se destacou, pois procurou espaço, se movimentou muito, não ficou à mercê de seu marcador. Talvez falte exatamente essa iniciativa a Paulo Henrique Ganso, que se acomoda quando a marcação cresce sobre ele e desaparece no jogo.

Vi o time muito espaçado, jogadores distantes e sem saber o que fazer com a bola. Parece que não treinam, pois não consegue antever um lance. E isso é culpa do Muricy Ramalho, que não pode reclamar de falta de tempo de treinamento. E por incrível que pareça, senti falta do Maicon. Quando ele entrou, a bola correu mais redonda para o time.

Mas acho que é questão de tempo. Com o time que temos no papel, alguma coisa de bom deve acontecer. E não penso apenas em classificação para a Libertadores, não. Penso em algo mais alto. Penso, mesmo, em título do Brasileiro. E espero que esta reação comece, com autoridade, no próximo domingo, em casa, contra o Criciuma.

Quarta-feira tem Bragantino, pela Copa do Brasil. É para tirar de letra!

9 comentários em “Mais uma derrota em que o time não joga nada

  1. Paulo,
    Não tenho o mesmo otimismo que você, pois para mim a administração do Aidar começou de maneira muito equivocada. Politicamente ele foi tão ou mais infeliz do que JJ, principalmente na briga desnecessária com o Palmeiras pelo Kardec e nas declarações infelizes. As contratações foram o pior em minha opinião. Temos novamente a repetição dos erros do Juvenal. Congestionamento em várias posições com jogadores caros. O Kaká é um excepcional jogador, no entanto eu nunca vi contratos de 6 meses serem benéficos para o time. Não há tempo para entrosamento e na maioria das vezes se gera problemas de relacionamento no grupo. Enquanto isso não contratamos um zagueiro que se preze e sofremos no setor do meio de campo pela falta da qualidade dos volantes. Sem contarmos ainda com nossa lateral direita com o Douglas.

  2. Oi Paulo, sem críticas ao seu texto, mas toda vez que leio onde quer que seja que “o Tricolor vai ter que melhorar muito para…” me dá muita raiva.
    Já estamos no mês 7, foi-se pré temporada, meia temporada e um mês só treinando, acho que se não melhorou até agora não melhora mais. Acredito que nosso São Paulo vai ficar nessa mesma até o fim do campeonato, lutando no máximo por uma vaga na libertadores sem certeza de sucesso e torcer para talvez dar certo na Copa do Brasil e Sulamericana.

    Acho quer a diretoria deveria focar agora em conseguir uma boa proposta pelo Rodrigo Caio para fazer algum caixa e fechar um patrocínio urgentemente, se conseguir 25M por ano já está bom, tendo em vista os últimos anos de desempenhos medianos.

  3. Quando o uruguaio chegou ficamos deslumbrados por sua vontade e raca
    demonstrada nos primeioros jogos, tal que lhe renderam alguns amarelinhos
    e ai’ veio to a cobranca do trenero, baixar e baixar a vontade e se igualar aos outros
    jogadores. Agora e’ com Kaka, que por ser atacante na’o leva muitos amarelos
    alias os recebe, detalhe os dois vieram do futebol europeu, pergunto
    ????? Na’o sera’ essa vontade e entrega que falta nos outros jogadores ????
    Achando que vao resolver tudo fingindo que jogam e enganando o torcedor
    desavisado. Vejo acomodacao em todos os setores, falta de tudo que um
    time de futebol precisa, tipos esses que jogam no Paraguay, Argentina, Bolivia,
    Uruguai, Chile, Colombia, Europa, a busca a entrega pelo resultado,
    isso na’o quer dizer que seria necessario um DT gringo, esse na’o e’ o caso
    pois nossos jogadores, infelizmente sa’o preguicosos e nao gostam de se empenharem em deslocamentos e movimentacao, e os treneros de primeira
    linha tambem acabam se acomodando. Enta’o, vamos fingir que assistimos e eles fingem que jogam.

  4. ORA BURRICY! TÉCNICO FRACO, ULTRAPASSADO E INCOMPETENTE!

    VAZA E LEVA SUAS MURICETES QUE VIERAM DE SANTOS PRA CÁ ENCHER O SACO!

    MEDIOCRE DEMAIS!

    CUCA, MARCELO OLIVEIRA, DORIVA OU JORGE SAMPAOLI NO SPFC!

    AIDAR, MANDA ESSE ENGANADOR EMBORA LOGO, TEM UMA SELEÇÃO NAS MÃOS E CONSEGUE PERDER DE TIMECOS COMO CHAPECOENSE E
    GOIÁS QUE ESTAVA 4 JOGOS LEVANDO FUMO!

    RIDÍCULO ESSE BURRICY!

  5. Na minha opinião título já era , dificilmente o São Paulo com tanta irregularidade ,e com esta zaga alcança o Cruzeiro na tabela , o elenco cruzeirense é muito melhor , mais equilibrado e melhor treinado que do São Paulo.

    Nossa briga é apenas por Libertadores.

  6. Paulo Pontes, boa noite.
    Eu queria ter o seu otimismo, não acredito nem em classificação para libertadores.
    Nossa zaga é um desastre, nosso meio campo não marca e muito menos arma.
    Penso que esta na hora de alguem (Muricy Ramalho) ter peito tirar o Ganso e dar chance ao Boschilia, Hudson e ja que na base não tem um zagueiro que se aproveite, deveria pedir para trazer o Lugano que mesmo não jogando bem é melhor que todos que temos.

  7. Muito antes que “tirar de letra”, o clube precisa começar a pensar em tirar o Paulo Henrique Ganso e o Murici. Com esses dois não vai sair nada . . .
    Quanto mais tempo para treinar, pior o time fica. E olha que hoje ele entrou com o que tem de melhor no futebol brasileiro (no papel, claro). . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.