Em Recife, quem ficou “aflito” foi o São Paulo

Amigo são-paulino, leitor do Tricolor na Web, a situação vai de mal a pior. A derrota para o Náutico por 3 a 0 na noite desta quarta-feira, em Recife, espelhou bem o momento do São Paulo: um time sem estrutura, sem elenco, sem esquema, sem brio, sem coração, sem diretoria, sem nada.

O primeiro tempo me lembrou muito o de Goiânia, quando o time saiu de campo derrotado por 4 a 1. Por sorte o ataque do Náutico não é tão eficiente quanto o do Atlético Goianiense. Mas não lembrou os primeiros tempos dos jogos contra Fluminense e Grêmio, onde perdemos jogando bem.

Em Recife, como diz um amigo, “foi”o ó do borogodó”. Time perdido em campo e o técnico mais ainda. João Filipe recebe cartão amarelo com oito minutos de jogo e é substituído aos dez pelo Casemiro. Por que? Virou lei? Tomou cartão amarelo tem que ser substituído? Será que o jogador advertido, no caso João Filipe, não tem o equilíbrio necessário para jogar ao menos o primeiro tempo inteiro sem cometer outra falta grave que lhe dê o vermelho?

A mudança desestruturou o São Paulo, com apenas dez minutos de jogo. E não que João Filipe seja um primor de jogador, longe disso. Mas a formação com ele, Rafael Toloi como líbero e Rhodolfo pela esquerda vinha dando certo. Sua saída fez com que Toloi viesse para o lado direito, com Casemiro ficando com a função de líbero.

Aí foi o que se viu. Pênalti desnecessário cometido por Toloi, Casemiro sendo adiantado e não sabendo se ficava na zaga, jogava como volante ou ia para o ataque, Jadson excessivamente marcado sem produzir nada, Maicon com a lentidão que lhe é peculiar, ataque inoperante e laterais que nem apoiavam, nem marcavam. E mesmo assim Douglas conseguiu levar um baile do ataque pernambucano na jogada que redundou no segundo gol.

Deu pena do Denilson, que corre prá cá, corre prá lá, é o único que marca naquele meio de campo, e acaba se tornando impotente. A ponto de, apesar de todo seu esforço, e até por essas condições, ter entrado na mesmice do time e feito uma partida muito ruim.

E as coisas continuaram piorando. Douglas se machucou e quem entrou em seu lugar foi Paulo Assunção, que pode até marcar muito bem, mas é volante e não tem cacoete para atacar. Depois nosso treineiro tira Jadson, que não vinha bem, mas era o único que conseguia fazer a ligação defesa-ataque, e coloca Willian “Cone” José. Sem contar o gol contra de Rogério Ceni. Aliás, quando o M1TO falha grotescamente como falhou, pode recolher as ferramentas, guardar no saco e ir embora porque a vaca foi para o brejo.

Recentemente, depois das vitórias sobre Flamengo, Bahia e Sport, eu disse que estava enxergando uma luz no fim do túnel. Só que esta luz se apagou e vejo uma escuridão imensa. Tomara as voltas de Wellington, Lucas e Luis Fabiano tragam algum alento para o torcedor. Porque do jeito que a coisa vai, o ano será muito difícil.

E a diretoria? Cadê o Juvenal?: Cadê o João Paulo? Cadê o Adalberto? Devem estar contando os 108 milhões de reais da venda do Lucas. Quando ele sair, talvez o time receba o reforço de algumas notas de dólares dentro de campo. A nota de ! dolar corre pela direita; a de dez pela esquerda. Não é, sr. Juvenal???

4 comentários em “Em Recife, quem ficou “aflito” foi o São Paulo

  1. Quem entoru foi o Paulo Assunção, não o Miranda.
    O que não muda nada, apenas a título de correção.
    Desprezo, é o que devemos manifestar. Estão desprezando o torcedor, logo, façamos o mesmo.
    E a ideia do Morumbi Zero?! E a ‘mal’ organizada torcida? Lamentável, simplesmente, lementável!!!

  2. Paulo, voce está enganado, não há imensa escuridão. Eu vejo luz sim no fim do túnel e ela é uma lanterna apontando a segundona!
    Observação: Todos os grandes clubes que caíram para a segunda divisão seguiram esse caminho e não mudaram o discurso achando que estavam invulneráveis a ela apenas pelo nome e seu passado até o amargo fim! Lamentável e assustador o que acontece no nosso time!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.