SP só foi eliminado três vezes após vencer ida de mata-mata fora de casa

O São Paulo tem um bom retrospecto para se agarrar nas quartas de final da Copa do Brasil. Em toda a sua história, o clube só foi eliminado três vezes após vencer o primeiro jogo do mata-mata fora de casa. São 31 classificações.

Na última quarta-feira, o Tricolor venceu o Flamengo por 2 a 1, no Maracanã, no jogo de ida, e leva a vantagem para a decisão da vaga no Morumbi, na próxima quarta, às 21h30 (de Brasília). Um empate garante a classificação ao São Paulo. Qualquer derrota por um gol de diferença leva a disputa para os pênaltis.

A última vez que o São Paulo foi eliminado após sair vitorioso do primeiro duelo fora de casa em um confronto eliminatório foi na terceira fase da Copa do Brasil de 2014. Na ocasião, o Tricolor venceu o Bragantino por 2 a 1, em Ribeirão Preto, no jogo de ida, mas perdeu por 3 a 1 no Morumbi.

O cenário se repetiu em outras duas ocasiões:

Copa Ouro, em 1995 – Cruzeiro
O São Paulo venceu o primeiro jogo por 1 a 0, fora de casa. A curiosidade da partida é que ela encerrou aos 2 minutos do segundo tempo devido a quatro expulsões. A equipe comandada por Ênio Andrade se retirou de campo por conta da inferioridade numérica.

No jogo de volta, o São Paulo de Telê Santanta foi derrotado por 1 a 0 no tempo normal e perdeu o título nos pênaltis.

Torneio Rio São Paulo, em 1999 – Vasco
Em 1999, foi a vez do São Paulo ser eliminado pelo Vasco nas semifinais do Torneio Rio São Paulo. No primeiro jogo, o Tricolor venceu por 3 a 2, no Rio de Janeiro. Na volta, derrota por 3 a 1 e a chance perdida de ir à final.

O Vasco foi o campeão da competição daquele ano ao bater o Santos na final (5 a 2 no placar agregado).

Retrospecto
O São Paulo levou a melhor em 31 mata-matas em sua história após vencer o primeiro jogo da disputa fora de casa. O levantamento realizado pelo Acervo Histórico do São Paulo não considera disputas em melhor de três.

+ Leia mais notícias do São Paulo

Na Copa do Brasil, o São Paulo só teve a eliminação para o Bragantino nessa condição. Em outras dez oportunidades o clube avançou de fase.

O retrospecto do São Paulo em mata-mata neste ano, porém, não é animador. Em seis jogos, são duas vitórias, dois empates e duas derrotas. A equipe comandada por Fernando Diniz foi eliminado do Paulistão, pelo Mirassol, e da Copa Sul-Americana, pelo Lanús.

 

Fonte: Globo Esporte

2 comentários em “SP só foi eliminado três vezes após vencer ida de mata-mata fora de casa

  1. Esse jogo da Copa Ouro, em 1995, foi um dos maiores absurdos que já vi no futebol.

    O Cruzeiro teve duas ou três expulsões merecidas. Vendo que seria impossível evitar uma goleada jogando com inferioridade numérica, voltaram a campo com todas substituições feitas e, no exato momento que a partida completou o tempo mínimo regulamentar para não ser remarcada para outro dia, dois ou três “atletas” do Cruzeiro deitaram no campo alegando terem sofrido lesão e que precisavam abandonar o jogo, o que levou ao encerramento da partida.

    O Cruzeiro, além de não ter sido punido pelo STJD, foi perdoado pela imprensa, que trata o caso como “curiosidade”. Foi uma conduta covarde e antiesportiva, uma mácula na história daquele clube. O Cruzeiro deveria pedir desculpas ao SPFC e aos seus próprios torcedores por aquele teatro ridículo.

    Há sim uma curiosidade: dois dos atletas daquele Cruzeiro,Belleti e Serginho, vieram para o SPFC e tiveram carreiras de sucesso. Encerrada a carreira, o Belleti disse que foi alvo de piada por algum tempo no elenco tricolor por causa desse episódio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.