São Paulo visita o Goiás na estreia do Brasileirão

O Campeonato Brasileiro terá início neste domingo para o São Paulo. O Tricolor fará sua estreia na competição contra o Goiás, às 16h, no estádio Hailé Pinheiro, em Goiânia. Para os comandados de Fernando Diniz, o pontapé inicial no nacional é fundamental para dar a volta por cima após uma eliminação vexatória no Paulistão.

O São Paulo chega para a disputa do Brasileirão com o ânimo arrefecido após a derrota decepcionante para o Mirassol. O Tricolor não conseguiu apresentar nas últimas partidas o mesmo desempenho que demonstrou nos jogos anteriores à paralisação por conta do coronavírus.

Pressionado por melhores resultados, Fernando Diniz não escondeu o incômodo com o futebol praticado pelo Tricolor nas partidas após o reinício do calendário e não seria surpreendente se promovesse alterações na equipe titular. O treinador testou variações nas últimas semanas de treinamento e Alexandre Pato é um dos jogadores ameaçados no time. O atacante pode dar lugar a Liziero, garantindo um setor de meio-campo mais encorpado.

Para a primeira rodada do Brasileirão, Diniz não deve contar com desfalques importantes. Além de Rojas e Walce, que permanecem realizando trabalhos de fisioterapia, Hernanes, com uma lombalgia, e Helinho, com uma torção no tornozelo, ainda são dúvidas para o jogo.

Do outro lado, o Goiás ainda não voltou a disputar uma partida oficial desde o reinício dos estaduais, já que o Campeonato Goiano não foi retomado e será finalizado apenas no início do ano que vem. Para compensar a falta de ritmo de jogo, o Esmeraldino disputou dois amistosos nas últimas semanas. A equipe goleou o Brasiliense por 5 a 1 e foi derrotada pelo Cuiabá por 2 a 0.

“Estamos focados em fazer uma boa estreia. Deixamos o Cuiabá para trás porque precisamos olhar para frente, para o adversário difícil que vamos enfrentar no domingo”, minimizou o goleiro Tadeu.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS X SÃO PAULO

Local: Estádio Hailé Pinheiro, em Goiânia
Data: 09 de agosto de 2020 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Caio Max Vieira (RN)
Assistentes: Jean Márcio dos Santos e Vinícius Melo de Lima (RN)
VAR: Pablo Ramon Pinheiro (RN)

GOIÁS: Tadeu; Juan Pintado, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson; Sandro, Ratinho e Daniel Bessa; Victor Andrade, Rafael Moura e Keko.
Treinador: Ney Franco

SÃO PAULO: Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves, Reinaldo; Tchê Tchê, Daniel Alves, Igor Gomes; Pablo, Vitor Bueno e Alexandre Pato (Liziero).
Treinador: Fernando Diniz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.