Manter embalo em meio à possível pausa vira desafio para o São Paulo

O São Paulo parece ter encontrado o seu caminho sob o comando de Fernando Diniz. Depois de bater a LDU pela Libertadores, a equipe derrotou o Santos no sábado, pelo Campeonato Paulista, mostrando bom rendimento e convencendo. No entanto, é provável que o Tricolor tenha de fazer uma pausa nas competições e, neste cenário, corre o risco de perder esse embalo.

Por causa da pandemia mundial do coronavírus, a Libertadores adiou a terceira rodada da fase de grupos, na qual a equipe do Morumbi enfrentaria o River Plate amanhã. Hoje (16), é possível que o Estadual seja paralisado. Os presidentes dos clubes vão se reunir na Federação Paulista para definir quais medidas serão adotadas, e uma pausa no torneio está em pauta.

Segundo apurou a reportagem, alguns dirigentes do Tricolor paulista sugeriram na última semana o adiantamento de partidas do Paulistão. Não havia mais problema de o Estadual coincidir com as datas Fifa, já que as Eliminatórias para a Copa do Mundo estão suspensas. Antes, esse parecia o caminho a ser tomado. Porém, com o avanço do coronavírus, boa parte dos cartolas mudou de opinião.

Com essa indefinição, pelo lado esportivo, o São Paulo vai ter de mudar a sua programação de trabalho para os próximos dias. Os jogadores já puderam folgar ontem e hoje. No dia a dia de trabalho, haverá restrição para a entrada no CT da Barra Funda e cuidados com atletas e demais funcionários, como distribuição de sachês com álcool gel para o elenco.

O técnico Fernando Diniz também deve trabalhar o emocional da equipe. Afinal, é possível que o time treine sem saber quando vai voltar a jogar. Até mesmo a relação com a torcida, que era positiva, pode esfriar com uma pausa nas competições.

“Se não parar, esportivamente é bom, porque se não a gente fica treinando a semana inteira sem ter o que jogar no final de semana, e a gente também não sabe até quando isso vai durar”, disse Diniz, após a vitória sobre o Santos.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.