Luciano busca bicampeonato brasileiro agora como protagonista

O clássico entre Corinthians e São Paulo, neste domingo, às 18h15, na Neo Química Arena, deve ter Luciano como um dos principais personagens. Campeão brasileiro pelo Timão em 2015, o atacante tenta repetir a conquista pelo Tricolor Paulista, agora com status de protagonista.

Uma das referências do setor ofensivo são-paulino em 2020, Luciano teve passagem pelo rival entre 2014 e 2016, quando chegou do Avaí. Na primeira temporada, sob comando de Mano Menezes, o então jovem jogador de 21 anos teve um bom começo e, depois de oscilar, terminou o ano com 13 gols.

Contudo, foi em 2015 que o jogador viveu o seu melhor momento no Corinthians. Foi também o ano em que passou por um dos períodos mais complicados da carreira. Luciano foi a aposta de Tite para o clássico contra o São Paulo, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, na vaga de Vagner Love, que havia se lesionado. Até então reserva, o atacante não decepcionou na oportunidade que surgiu e marcou o gol no empate em 1 a 1, no Morumbi.

Com a boa atuação no Majestoso, Luciano foi titular nas duas rodadas seguintes e continuou brilhando. Nas vitórias contra Sport e Avaí, marcou dois gols em cada jogo, garantindo pontos importantes para colocar o Corinthians na liderança da competição. Até que veio o duelo contra o Santos, pela Copa do Brasil, quando o atacante sofreu uma lesão séria no joelho, que o tirou dos gramados por seis meses.

Sem Luciano, o Corinthians seguiu com campanha consistente na competição nacional e garantiu o título com a boa fase de Vagner Love na reta final. A recuperação da lesão veio apenas na temporada seguinte, mas o atacante não conseguiu se firmar e acabou negociado com o Leganés, da Espanha. No total, foram 94 jogos e 24 gols com a camisa alvinegra.

Mais experiente, aos 27 anos, Luciano agora veste as cores do São Paulo e, ao contrário do que foi em 2015, pelo Corinthians, pinta como um dos protagonistas do time. Desde que chegou, como pedido do técnico Fernando Diniz, tem sido muito participativo e, atualmente, é o artilheiro do Tricolor no Brasileiro com 12 gols. Ainda balançou as redes mais três vezes na Copa do Brasil, contra Fortaleza e Flamengo.

Luciano já se consolidou como um dos grandes responsáveis pela liderança do São Paulo no Brasileirão. A dupla de ataque formada por ele e Brenner marcou 21 dos 42 gols do time na competição, o equivalente a 50%. O clássico deste domingo é mais um jogo crucial na briga do Tricolor pelo título, e o técnico Fernando Diniz conta com o bom momento de seus atacantes.

Desempenho no Majestoso
O camisa 11 do São Paulo vai para o seu sexto Majestoso na carreira. Além daquele no qual marcou, em 2015, foram outros três pelo Timão, todos em 2014. Pelo Paulista, foi titular na derrota por 3 a 2, no Pacaembu. Depois, entrou no decorrer de ambas as partidas do Brasileiro. No primeiro turno, empate em 1 a 1 na Arena Barueri e, no segundo turno, vitória por 3 a 2 no primeiro confronto entre as equipes disputado em Itaquera.

Já na atual temporada, Luciano disputou o seu primeiro Majestoso pelo São Paulo. Era apenas o seu quarto jogo pelo clube, e o atacante já tinha dois gols com a camisa tricolor. Nesta partida,foi titular, mas passou em branco, e viu Brenner marcar o gol da vitória por 2 a 1, no Morumbi.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.