Há 7 anos no São Paulo, Reinaldo diz: ‘Tem algo reservado para conquistar’

A apresentação de Reinaldo como jogador do São Paulo completou sete anos na última quarta-feira. Atleta do clube desde junho de 2013, quando chegou da Penapolense, ele acumula 14 gols em 220 partidas e ainda persegue o primeiro título.

– São sete anos de muita felicidade vestindo essa camisa. Virou minha casa. Tenho certeza que Deus reserva algo grande para eu conquistar ainda pelo São Paulo. Estou muito feliz com a data – disse o camisa 6, ao LANCE!.

Hoje titular absoluto com Fernando Diniz, Reinaldo já viveu momentos mais complicados no Morumbi, tanto que foi emprestado à Ponte Preta em 2016 e à Chapecoense em 2017.

– O Reinaldo, em 2013 ou 2014, parecia uma contratação horrorosa. Não para mim, porque sempre achei um bom jogador. E hoje o Reinaldo é um jogador que todo dezembro e janeiro a gente recusa proposta, do Brasil ou de fora, porque é muito bem conceituado. Mas para isso teve que sair, jogou na Ponte, jogou na Chapecoense, jogou em mais de uma posição e foi bem também – lembrou Alexandre Pássaro, gerente de futebol do Tricolor, e responsável por renovar o contrato de Reinaldo no ano passado até o fim de 2022, após recusa à oferta feita pelo Al-Ahli, da Arábia Saudita (o vínculo anterior terminaria em 2021).

Veja abaixo um bate-bola com Reinaldo sobre o período sem futebol:

Como tem sido sua rotina de treinos durante o isolamento? O clube está acompanhando?
– Eu tenho um personal que treina comigo diariamente. Estou buscando manter meu condicionamento, a forma física, para estar bem quando voltarem os treinos e jogos. O clube tem acompanhado, sim, sempre nos ajuda com muita qualidade.

Você acha que já seria possível retomar os trabalhos no CT para pensar em reiniciar os campeonatos?
Acho que temos que prezar pela nossa saúde. Se as autoridades liberarem é por que estaremos trabalhando de forma segura, seguindo os protocolos e todos os cuidados. Ninguém quer se contaminar ou contaminar um parente.

O São Paulo vai voltar da mesma maneira que estava antes da parada?
Com certeza, ou com ainda mais pegada. Sabemos do nosso nível e como estávamos atuando. Vamos voltar com foco total para fazer um grande ano.

Você tem aproveitado a pausa para rever jogos antigos? Algum te chamou a atenção?
Cara, estou aproveitando a pausa mais para ficar com a família, brincar com meus filhos, coisas que com nossa rotina temos de dificuldade de fazer.

O Diniz tem telefonado para você durante esta quarentena? O que vocês conversam? E os dirigentes?
Todos estamos nos falando bastante, passando experiências. Projetando o retorno, estamos na mesma sintonia pra voltar com o mesmo foco no retorno.

Você já tinha ficado tanto tempo sem jogar futebol?
Acho que quando rodava pelo interior, em times menores. Mas faz tempo que vinha em uma rotina de um jogo atrás do outro.

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.