Diniz assume culpa e diz que SP fez uma das piores partidas

O técnico Fernando Diniz afirmou ser o maior responsável pela derrota do São Paulo por 4 a 2 para o Red Bull Bragantino, nesta quarta-feira, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em rápida entrevista coletiva logo após o jogo, em Bragança Paulista, o treinador listou os problemas do time:

– A gente não conseguiu sair jogando, marcação forte do Bragantino. Prepararam o campo para a bola ficar mais lenta, a grama estava mais alta. Não conseguimos desenvolver nosso jogo de saída. E concedemos contra-ataques que a gente não está acostumado a conceder – disse ele.

– Foi uma partida muito ruim em todos os sentidos. Quando acontece isso, o treinador é o principal responsável. Quando coletivamente o time vai tão mal, treinador é o maior responsável – completou Diniz.

Ele também admitiu que a atuação foi uma das piores do time sob seu comando:

– Se não foi o pior jogo, está entre os piores, com certeza.

O São Paulo teve desfalques: Arboleda foi poupado, com dores; Juanfran foi liberado para cuidar de problemas particulares; Luan estava suspenso; Luciano ainda se recupera de uma inflamação na perna.

Diniz, então, deu chances a Diego Costa, Igor Vinícius, Tchê Tchê e Vitor Bueno, mas ninguém rendeu. Ele, porém, evitou criticar o elenco tricolor.

– (Sobre o) elenco já falei que sou contente. Nos trouxe até aqui na liderança do campeonato, chegou na semifinal da Copa do Brasil. Não tenho nada que olhar para o banco e não ter opção. Esse é nosso time, não foi por conta de quem entrou que perdemos. Coletivamente, fomos mal.

Diniz também evitou comentar a discussão que teve com Tchê Tchê no primeiro tempo, quando criticou o jogador, e afirmou que o caso será resolvido internamente.

– O Tchê Tchê é coisa do jogo, tenho um jeito de cobrar que todo mundo conhece, ele principalmente. A gente vai resolver internamente.

Apesar da goleada sofrida, o São Paulo se manteve com sete pontos de vantagem na liderança do Brasileiro, com 56 pontos conquistados, graças à derrota do Flamengo para o Fluminense.

No próximo domingo, enfrenta o Santos, em casa. Tchê Tchê e Bruno Alves, suspensos, não jogam.

 

 

Um comentário em “Diniz assume culpa e diz que SP fez uma das piores partidas

  1. Escalou mal, mexeu pior ainda. Nada se justifica. Falta pegada para esse time. Pode até se tornar campeão, mas vai ter que mudar a atitude passiva e leniente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.