Ceni descarta jogar outra Libertadores e decreta aposentadoria no fim do ano

Nem mesmo a possibilidade de disputar mais uma Copa Libertadores, seu torneio preferido, fará Rogério Ceni adiar mais uma vez a aposentadoria. Foi o que disse o goleiro são-paulino nesta quinta-feira, após a vitória sobre o Criciúma, pela Copa Sul-Americana, no Morumbi.

– Eu paro em dezembro. Espero que venha a Libertadores, quem sabe até através de um título, mas eu paro – afirmou o capitão, cujo contrato com o São Paulo se encerra no fim do ano.

Rogério Ceni já vem planejando sua aposentadoria e já até escolheu o modelo de camisa que será lançado pela Penalty como homenagem a seu último ano. Ele, porém, evita falar na despedida, que deve ser contra o Sport, na última rodada do Campeonato Brasileiro. É o mesmo adversário do próximo domingo, no desfecho do primeiro turno da competição.

– Eu vivo intensamente o dia a dia e o próximo é o jogo de domingo contra o Sport. Lá na frente não dá para saber o que vai acontecer, se eu não me engano é dia 7 de dezembro (última rodada do Brasileirão), não sei nem se vou estar jogando – afirmou Ceni.

Ano passado, Ceni também planejava se aposentar, mas mudou de ideia no fim do ano, com a recuperação do São Paulo e optou por disputar mais uma temporada pelo clube.

Rogério, então, vai parar com dois títulos da Libertadores no currículo: em 1993, como reserva, e em 2005, já consagrado e como capitão do time, no mesmo ano em que também levantou o caneco do Mundial de Clubes da Fifa.

Fonte: Lance

Um comentário em “Ceni descarta jogar outra Libertadores e decreta aposentadoria no fim do ano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.