Arboleda reencontra Palmeiras após vestir camisa do rival nas férias

A partida entre Palmeiras e São Paulo, neste domingo, em Araraquara, marcará o reencontro de Arboleda com o rival alviverde. Durante as férias, o equatoriano se envolveu em uma grande polêmica ao vestir a camisa do rival, e na Arena Fonte Luminosa ele terá a oportunidade de se redimir com a torcida tricolor dependendo de sua atuação e do resultado conquistado no clássico.

Furiosa com a foto de Arboleda vestindo a camisa do Palmeiras que circulou na internet, parte da torcida chegou até mesmo a defender seu desligamento do clube. Tido como um dos melhores defensores do País e um dos pilares do time do São Paulo, o zagueiro não foi descartado pela diretoria, que decidiu conversar com o atleta e aplicar uma multa a ele.

Arboleda justificou o polêmico episódio alegando que tudo se tratava de uma aposta entre amigos e que não havia se atentado ao fato de o uniforme que vestiu ser de um dos principais rivais do clube ao qual pertence.

“O Arboleda cometeu um erro, está respondendo por isso, mas é um jogador que a gente confia muito, que também tem uma identificação com o torcedor são-paulino. Ele vai estar trabalhando, porque é aquilo que ele pode fazer para, quando entrar no campo, responder como ele sempre respondeu”, comentou o técnico Fernando Diniz sobre o episódio.

Na última quarta-feira, durante a partida contra o Água Santa, as torcidas organizadas do São Paulo chegaram a entoar cânticos xingando Arboleda. Não concordando com o ato, o restante dos são-paulinos que compareceram ao Morumbi prontamente começaram a apoiar o zagueiro equatoriano, cantando seu nome.

“Está claro que é inadmissível que um jogador do São Paulo vista a camisa do rival, seja no lugar que for, isso é inadmissível. Por isso, o clube decidiu multar o Arboleda. Cada caso é um caso e tem que ver bem o que aconteceu. Ninguém melhor que nós para saber quando é ingenuidade e burrice e quando é mau-caráter, como a torcida pensou. Posso garantir ao torcedor que no caso do Arboleda foi burrice, ele não fazia a mínima ideia se a camisa era do México, da Bolívia, da Chapecoense, de Camarões ou do Palmeiras”, afirmou Lugano.

Ao lado de Bruno Alves, Arboleda foi um dos grandes responsáveis pelo São Paulo ter terminado a campanha do Campeonato Brasileiro com a melhor defesa. Ao longo das 38 rodadas, o time, mesmo com a troca de treinadores, sofreu apenas 30 gols, ficando à frente de rivais como Flamengo, Santos e Palmeiras neste quesito.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Arboleda reencontra Palmeiras após vestir camisa do rival nas férias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.