Edson Silva diz que não pagaria R$ 1 milhão para Pato jogar clássico

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, no último domingo, Alexandre Pato saiu do Morumbi dizendo que havia 90% de chances dele jogar contra o Corinthians, adversário do próximo fim de semana no Campeonato Brasileiro. Emprestado pelo Corinthians ao rival, Pato não pode atuar no clássico por conta de uma cláusula no contrato. Para isso acontecer seria preciso desembolsar R$ 1 milhão de multa. O Tricolor já descartou a possibilidade. Perguntado em coletiva de imprensa se pagaria esse valor caso fosse dirigente do São Paulo, Edson Silva brincou, elogiou muito Pato, mas disse que não.

– É um baita de um jogador. Dispensa comentários, mas isso é uma questão contratual. Se eu fosse diretor não sei se colocaria isso na cláusula. Aceitaria os dois (Pato e Jadson) no cláaisco e “que vença o melhor”, mas como isso não existe…. Não pagaria. Pato, como disse, dispensa comentários, mas o professor tem jogadores para suprir a necessidade. O Pato vive um grande momento, está ajudando muito, mas o Muricy vai escolher um para substituir – disse Edson.

Pato foi emprestado ao São Paulo em janeiro. O Corinthians paga 50% do salário do jogador. A troca foi feita pelo meia Jadson, que está emprestado pelo Tricolor ao rival. O jogador será do Timão a partir de janeiro e também não poderá atuar no clásssico de domingo, na Arena Corinthians.

Antes, porém, o São Paulo tem outro confronto pela frente. Nesta quarta-feira, a equipe paulista enfrenta o Coritiba, às 22h, no Couto Pereira. Muricy Ramalho não poderá contar com Kaká no duelo. O meia levou o terceiro cartão amarelo contra a Raposa.

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.