3º maior goleadorna temporada, Pablo não marca desde agosto

Pablo é o terceiro jogador do elenco do São Paulo que mais balançou as redes na atual temporada, com 11 tentos. Entretanto, o camisa 9 tricolor não balança as redes em uma partida válida pelo Campeonato Brasileiro desde agosto de 2020, quando garantiu a vitória sobre o Sport, em Recife, por 1 a 0, pela quinta rodada da competição.

Contratado por R$ 25 milhões, o negócio mais caro da história do São Paulo, Pablo desembarcou no Morumbi com status de “homem gol”, porém, passados três anos de sua chegada, muita coisa mudou, incluindo o prestígio perante à torcida, cada vez menos paciente com as atuações abaixo das expectativas do camisa 9.

 

Com apenas um gol no Campeonato Brasileiro em 24 partidas, sendo 12 como titular da equipe, Pablo vive seu pior momento com a camisa do São Paulo. Nas últimas dez partidas que esteve em campo, o atacante acertou somente uma finalização no gol, números insuficientes para um atleta no qual clube e torcida apostavam tanto.

No geral, Pablo foi às redes pela última vez na partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil, contra o Flamengo, no Morumbi, marcando o terceiro gol da vitória do São Paulo por 3 a 0, quando o rival rubro-negro já estava abatido por causa de mais um revés sofrido para o Tricolor.

Sem Luciano, ainda se recuperando de uma inflamação no joelho, Fernando Diniz deu mais um voto de confiança a Pablo no último domingo. O retorno do camisa 9 para o clássico contra o Santos gerou certo alívio nos são-paulinos, que já haviam assistido à partida contra o Red Bull Bragantino estarrecidos devido à surpreendente goleada sofrida na última quarta-feira, mas sua presença em campo de nada adiantou, sendo substituído no segundo tempo por Gonzalo Carneiro.

Iniciando uma semana decisiva para suas pretensões da equipe no Campeonato Brasileiro, o São Paulo tem de lidar mais uma vez com uma enorme pressão externa, consequência dos tropeços recentes. Luciano corre contra o tempo para voltar a ficar à disposição de Fernando Diniz, mas a ausência do artilheiro tricolor na competição por pontos corridos poderia ser menos sentida se Pablo estivesse dando conta do recado.

3 comentários em “3º maior goleadorna temporada, Pablo não marca desde agosto

  1. A melhor definição sobre ele: “jogador invisível”. Sempre passa sem ser percebido em campo.Se esconde! Fraco demais… inclusive emocionalmente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.