Um passeio em Bragança Paulista

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, antes de começar o jogo, com a previsão de entrarmos com um time misto, poucos esperavam ver entrosamento e um jogo fluido do São Paulo contra o Bragantino, fora de casa. E não é que esta (grata) surpresa veio? O Tricolor dominou amplamente o jogo, com uma troca de bola envolvente e excelente primeira impressão dos estreantes Centurión e Doria.

A fragilidade defensiva do Bragantino, que fez apenas 3 pontos no campeonato até agora, ajudou muito, mas a vitória dá ânimo para todo o elenco encarar a estreia na Taça Libertadores, contra o Corinthians.

Individualmente, merecem destaque a bela partida de Centurión, que demonstrou ser técnico, rápido e capaz de desequilibrar o jogo, deixando vários jogadores adversários irritados. A primeira impressão foi muito boa. Doria também fez uma boa estreia, ganhando todas dos atacantes do clube de Bragança. Por fim, impossível não destacar a partida de Boschilia – que marcou dois gols e ocupou os espaços pelo lado esquerdo do time com eficiência, especialmente na segunda etapa – e de Maicon, tão contestado pela torcida, mas que hoje assumiu o posto de meia da equipe com louvor.

A facilidade com que o time assumiu o esquema com três zagueiros deixa uma pulga atrás da orelha de Muricy, ainda que ele não tenha dado qualquer sinalização de que usará o 3-5-2 contra o Corinthians, com todos os titulares (menos Pato e Centurión, é claro) a disposição.

O único senão continua sendo a defesa, ainda que tenha sido pouco testada hoje. O time ainda fica exposto aos contra-ataques, como, por exemplo, aconteceu quando Lucão travou o ataque do Bragantino em cima da hora no início da partida. Edson Silva demonstra ter dificuldades em dar combate com três zagueiros e muitas vezes é deixado para trás por atacantes mais rápidos.

Enfim, é fato que vamos para cima do Corinthians com ânimo renovado e na expectativa de que o primeiro passo para o tetracampeonato seja dado na próxima quarta-feira.

Eduardo Gaggini

4 comentários em “Um passeio em Bragança Paulista

  1. Se o Muricy entrar contra o Corinthians com um esquema que ele nunca escalou (tal como ele fez no jogo do Santos contra o Barcelona), e perder, ele tem que ser demitido imediatamente.

  2. PP quais as chances de um possivel sucesso de Cardeais de ambos os lados de estancarem essa sangrenta guerra de JJ com o Aidar parar pelo menos de ser jogada no “ventilador” pelos dois Moleques mimados (JJ e Aidar) e começar a discutir no CD temas mais relevantes como a divida, reforma do Morumbi e etc, pois li que cardeais como João Paulo Leal, Julio Cesar Casares, MAC, e outros estão tentando acabar com essa verdadeira lavanderia de roupa suja em publico ?

  3. Se tiverem juizo, digo trenero e comissa’o tecnica,
    problema solucionado com a escalacao de tres zagueiros,
    Doria joga muito, tem boa saida e coberturas precisas,
    nem precisamos de alas especialistas, tipo av laranjeiras,
    os improvisados de hoje da’o mais seguranca, sendo mais precisos
    no apoio, defensivamente e nos passes.
    Mas isso na’o e’ mesmo comigo, sou apenas torcedor e muito menos comentarista.
    Apenas pergunto ??? Cade Evandro ???
    Deu desinteria em SAntos, pudera, o jogo dele era hoje,
    Santos era essa dupla de hoje, junto com Centurion.
    .
    Boschila na’o pode ficar esquecido como ficou, e’ bom de bola, tem futuro,
    sendo de todos os novatos, disparado o melhor.
    O Braga na’o e’ ta’o pior que o XV, e’ que o time de hoje teve intensidade o tempo
    todo. Doria ja falei, e Centurion e’ mesmo um gringo, muito melhor que o
    ciscador dudu.
    Agora, e’ o trenero que decide, chega de paulistinha, rachoes e futvolei,
    agora e’ LIBERTADORES.

    • Detalhe
      ??? Esse time e’ reserva ???
      Esses jogadores sa’o titulares em qualquer time, inclusive
      Evandro, Boschila, Rodrigues, Canete, Pereira, Ademilson, Kafu, todos
      que aqui esta’o, inclusive Reinaldo,
      apenas precisam serem melhor aproveitados e dadas as chances
      que sa’o dadas a certos medalha’oes que vivem sempre no mesmo do mesmo
      e jamais perdem a posica’o.
      Agora precisa esta comissa’o tecnica mudar e aproveitar melhor
      as caracteristicas dos jogadores aproveitando aquela celebre frase
      apenas dita “aqui e’ trabalho” , parem de treinar futvolei e rachoes, biribol,
      treinem mesmo basquete, volei e suas taticas pertinentes.
      Ontem foi mesmo um passeio em Braganca, por obra de Sa’o Tome’,
      vamos ver em Itaquera, as licoes que sera’o tiradas desse jogo.
      Sou mesmo Sa’o Tome’.
      ???? O que acontecera ????
      nnnnnnnnnnnnaaaaaaaaaaadddddddddddddddaaaaaaaaaaaaaaaa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.