O Brasil ganhou, mas com grande ajuda do árbitro

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, não há dúvida que na Copa do Mundo, como, aliás, em qualquer torneio, o que interessa é a vitória. Sendo assim, o Brasil cumpriu seu papel e venceu a Croácia na abertura da Copa do Mundo. Mas o árbitro foi decisivo para o resultado de 3 a 1, que não espelha o que foi o jogo.

Em nenhum momento a Seleção nacional encontrou seu futebol. Com Oscar aberto na direita, Hulk na esquerda e Neymar flutuando pela intermediária adversária, o time levava pouco perigo ao gol croata. Em compensação a Croácia tinha contra-ataques fortes. E foi num nestes que marcou seu gol.

O apoio da torcida foi fundamental para que o time não assimilasse o golpe e conseguisse a reação. Oscar, Neymar e Hulk começaram a trocar de posição, o que foi embaralhando a marcação adversária. Mesmo assim precisou uma jogada individual de Neymar para que o gol de empate saísse.

No segundo tempo o script continuou igual. Jogo difícil, a Seleção Brasileira errando muito e os croatas ameaçando. Foi quando um erro absurdo da arbitragem, marcando pênalti inexistente em Fred, decidiu a sorte do jogo. Não só porque Neymar converteu em gol, mas porque deixou os croatas irritados, descontrolados.

Mesmo assim ainda tiveram chance de gol. Júlio Cesar fez grande defesa. E em mais um erro de arbitragem, não marcando falta de Ramires, a bola se ofereceu para Oscar, que ao lado de Neymar foi o melhor em campo, e marcou o terceiro gol.

O time terá que melhorar muito, pois não vai encontrar árbitros como esse japonês ao longo da Copa.

Um comentário em “O Brasil ganhou, mas com grande ajuda do árbitro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.