A vaga ficou difícil, mas a esperança tem que estar viva

Amigo são-paulino, leitor do Tricolor na Web, é evidente que a chance de classificação para a próxima fase da Libertadores ficou muito difícil para o São Paulo. Até acho que o The Strongest não ganha o jogo em Buenos Aires, mas tenho dúvida se o São Paulo ganha do Atlético-MG aqui.

Só que se baixarmos as guardas, o que é difícil vira impossível. E, como sempre se diz, enquanto houver esperança haverá vida. Então vamos acreditar na classificação, pois somos do Time da Fé.

Li os diversos comentários postados na Opinião de São-paulino e, apesar de concordar com a grande maioria, não me afasto da opinião de que, pelo segundo jogo consecutivo, jogamos bem e perdemos por erros individuais. No domingo houve um erro de Paulo Miranda e outro gravíssimo de Rafael Toloi. Nesta quinta-feira Denilson falhou no primeiro gol e Rogério Ceni tomou um gol ridículo no segundo.

Quem foi que perdeu mais gols: o São Paulo ou o The Strongest? Só que me lembro, rapidamente, Aloísio perdeu dois – e estou falando só dos mais graves , Osvaldo dois, Ganso um e Wallyson um. O The Strongest perdeu um gol, aos 45 minutos do segundo tempo. O domínio de bola foi do São Paulo. Portanto, o time jogou muito melhor que o adversário, mas saiu derrotado.

Não sou favorável ao início da caça às bruxas, nem a demissão de Ney Franco. É verdade que o técnico tem que ser responsabilizado pela situação do clube, pois levou três meses insistindo numa teimosia burra de inventar alguém que substituísse Lucas, sabendo ser impossível, e quanto acordou para a realidade, que é a dupla Jadson e Ganso, já era tarde. Mas ele acabou percebendo e mudou. Isso tem que ser reconhecido.

Fazer limpeza no elenco, agora, de nada vai adiantar. Se é verdade que temos que contratar jogadores para algumas posições, também é fato que temos um bom elenco. Ajustes são necessários e isso a diretoria terá que fazer.

Quero e vou manter o otimismo. As coisas não podem sempre dar errado, uma hora tem que virar. Quem sabe essa virada não será no jogo contra o Atlético?

5 comentários em “A vaga ficou difícil, mas a esperança tem que estar viva

  1. Bem, como o espaço é democratico, minha opinião é que:
    1. Alimentar esperanças numa situação dessas (time sem ataque, sem defesa, sem criatividade, sem esquema de jogo) é aumentar ainda mais a frustração da saída eminente da Libertadores. Somente nós mesmos com esse time fraco todo fragmentado para desprezar os evetuais favoritos ao título.
    2. Saida de Ney Franco urgente, o SPFC não é laboratório, além de teimoso, em nada inovou ou melhorou com as armas que tinha em mãos. Mediano demais pra um clube com tanta tradição.
    3. Luis Fabiano, passagem medíocre e vergonhosa pelo clube, não sei como ainda consegue encarar seu colegas de clube. Se o SPFC tem dinheiro para jogar fora pagando o salário desse inútil, seria mais proveitoso que doasse então para algumas entidades de caridade. Chega das palhaçadas desse cara, o SPFC é um clube sério, e francamente, esse jogador e nada é a mesma coisa, porque precisamos de um descontrolado e caro como esse se nos momentos mais importantes deixa o clube na mão. Sem contar o tempo que levou para se recuperar. Chega desse matador de cachorro-morto!
    4. JJ e seus pupilos não tem espaço para cometer tantos erros, arrisco dizer que se não houver mudanças drásticas não vamos ganhar nem Paulista e nem Brasileiro.
    5. Aqui em casa somos todos fans de Rogério Ceni, e gostaríamos que ele saísse por cima, está ficando muito constrangedor vê-lo ficar pedindo desculpas, tudo tem seu tempo e Rogério é o maior jogador desse clube.

  2. Pelo amor de deus Paulo, como assim jogamos bem? Contra o Corínthians até que jogou bem, mas contra o Strongest foi doído demais de assistir. Me diz, de todos os cruzamentos que fizeram no jogo, quantos esses caras acertaram? Quantos chutes não deram em cima do goleiro ou pra fora? Tem cara no São Paulo que não consegue dominar uma bola, coisa que até os coitados dos bolivianos faziam melhor.
    Você prestou atenção na completa falta de movimentação do time? Parecia que ninguém estava afim, que entraram em campo obrigados e que preferiam estar num bar tomando cerveja.
    Cara, não aguento mais passar vergonha com esse time desinteressado, vou torcer muito pra ser eliminado pelo Atlético e também cair no Paulista, assim quem sabe algo aconteça pra fazer esses caras acordarem pra vida no Brasileiro. Se é pra dar vexame, que venha tudo de uma vez só e não em pequenas doses como tem sido.

    Cara, o São Paulo conseguiu ser mais ridículo que o time C do Palmeiras, que entrou todo remendado com jogadores do time júnior e mesmo assim teve vontade de jogar. A vontade é o mínimo, não estão fazendo nem o que são obrigados a fazer pra honrar o contrato de trabalho. Ganhar ou perder é do jogo, acontece, mas não ter nem vontade de andar em campo é inaceitável.

    Queria levar minha namorada pela primeira vez no estádio, mas estou com vergonha de levá-la pra ver uma coisa tão nojenta como está esse São Paulo. Ridículo!

    • Xodózinho do JJ…que via nele o substituto do Lucas. Como diria Sylvio Luiz, pelo amor dos meus filhinhos, esse até a minha sogra fazia, menos o tal de Admilson. Até o nome dele é feio!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.