Volta de Muricy ao São Paulo pode reacender espírito vencedor no clube

Muricy Ramalho, um dos maiores ídolos da torcida São Paulina, está de volta ao Tricolor Paulista e, com sua trajetória de conquistas, pode adicionar espírito vencedor na equipe que luta para conquistar o Brasileirão e encerrar um jejum de títulos que vem desde 2012.

Conhecido por ter sido um técnico que sempre cobrou o máximo dos seus jogadores, Muricy exercerá agora papel mais fora de campo do que dentro das quatro linhas. Ele será coordenador técnico do Tricolor (foi oficializado no cargo neste sábado).

Excelente administrador de vestiários e capaz de extrair o máximo dos atletas, sendo quase um torcedor dentro do clube, a química com Fernando Diniz pode dar muitos frutos ao São Paulo. O atual treinador do Tricolor tem muitas ideias táticas diferentes em relação à média do futebol brasileiro. Esse aspecto somadas à gana vencedora de Muricy, tricampeão brasileiro consecutivo no comando da equipe, e seu estilo de considerar um amistoso como uma final de Libertadores.

– É uma das grandes referências que a gente tem no São Paulo, um cara super vencedor e que faz muita falta ao futebol. É um cara que tem caráter, muito firme, dedicado, lúcido limpo, claro… O futebol precisa muito de gente como o Muricy. Mais do que o currículo, a pessoa dele serve de exemplo para todos aqueles que militam dentro do futebol – comentou Diniz em abril de 2020 sobre o que pensa do ex-treinador.

No atual elenco tricolor, Daniel Alves já é alguém que influencia os seus companheiros para que sempre lutem até o final, além do fato de que é o jogador com mais títulos na história.

Com a liderança de Muricy, todos dentro do CT sabem que a exigência será máxima. Em 2013, Muricy colocou jogadores pouco badalados entre os torcedores, mas que sabiam o que representa o São Paulo e por isso ganharam chances entre os titulares.

– O São Paulo está em um grande momento. Depois de muitos anos o time tem uma ideia de jogo. O Diniz lançou jogadores, recuperou jogadores, fez ajustes. Não é o momento da troca, na minha opinião – avaliou Muricy sobre o trabalho feito por Diniz.

Com a força psicológica que Muricy pode agregar somada ao comprometimento tático exigido por Diniz, o São Paulo tem grandes chances de confirmar o favoritismo e conquistar o seu sétimo título brasileiro, 12 anos após o último título nacional, justamente sob o comando justamente de Muricy Ramalho.

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.