Vasco e São Paulo conversam para negociar empréstimo de Jucilei

Vasco e São Paulo negociam um empréstimo de Jucilei. A informação foi publicada inicialmente pela “ESPN” e confirmada pelo GloboEsporte.com.

Os clubes têm conversas em andamento para buscar um acordo pelo volante de 31 anos por uma temporada. Vasco e São Paulo pregam cautela, mas as conversas estão avançadas. Jucilei, inclusive, pediu liberação do treino desta quinta-feira, no CT da Barra Funda, e foi autorizado pelo Tricolor.

O clube carioca conversa com os paulistas sobre como será a divisão no pagamento dos salários de Jucilei. A composição deverá ser meio a meio entre Vasco e São Paulo. Existe a expectativa de que o volante viaje em breve para realizar exames no Rio de Janeiro.

Fora dos planos do São Paulo, Jucilei não foi inscrito no Paulistão e tem salário considerado alto pelos paulistas, em busca de uma redução na folha para 2020.

Desde a saída de Richard o Vasco busca a contratação de um volante. O clube consultou a situação de Hugo Moura, do Flamengo, mas não houve liberação. Agora, a busca no mercado é justamente por atletas sem espaço em outros clubes que aceitariam pagar uma parte dos salários, caso de Jucilei.

– Sabemos que não podemos errar. Isso é muito ruim. Você tem que pensar muito, pegar informações, são tantas coisas para analisar, saber se o cara tem característica para fazer o que você quer. Estamos tentando e vamos trazer jogador. Não tenho dúvida. Mas aqui tem uma base salarial e temos o cuidado de não errar. Tem clubes que querem se desfazer de alguns atletas e pagam até parte de salário. E por aí. Até o Brasileiro devem chegar dois ou três – disse Abel Braga, técnico do Vasco.

Jucilei foi colocado como um jogador negociável neste início de temporada. A expectativa do São Paulo era repassar o jogar a outro clube para, ao menos, diminuir a folha salarial. Houve sondagens de clubes do exterior ao volante, mas nenhuma conversa avançou.

Durante a pré-temporada o São Paulo não recebeu boas ofertas e o volante seguiu treinando normalmente no elenco do técnico Fernando Diniz. Mas ele não foi escalado entre os titulares nos jogos-treino.

Na última quarta-feira, o São Paulo divulgou a numeração de cada jogador, e a camisa 8 até então utilizada por Jucilei em 2019 foi herdada por Tchê Tchê.

Na partida diante do Água Santa, na estreia do Paulistão, jogadores que ainda não foram inscritos no torneio estiveram presentes para acompanhar a partida, casos de Shaylon, Gabriel Sara e os garotos recém-promovidos da base. Mas Jucilei não foi visto.

Histórico no Tricolor

A situação de Jucilei já se arrasta por quase sete meses no São Paulo. Em junho de 2019, o jogador foi afastado pelo técnico Cuca para que procurasse outro clube, assim como Nenê e Bruno Peres. Os dois últimos conseguiram ser repassados, mas Jucilei não.

O jogador, então, passou a treinar por conta própria no Rio de Janeiro à espera de algum interessado a aceitar as condições salariais, mas essa proposta não veio.

Jucilei e Igor Gomes no CT do São Paulo — Foto: Tiago Volpi - São Paulo

Jucilei e Igor Gomes no CT do São Paulo — Foto: Tiago Volpi – São Paulo

Com o pedido de demissão de Cuca e a contratação de Fernando Diniz, Jucilei ganhou sobrevida no São Paulo e foi reintegrado ao elenco no início de outubro. Após treinar bem e se mostrar empenhado, ele foi relacionado para a partida contra o Atlético-MG, na 28ª rodada do Brasileirão.

Na 30ª rodada, em novembro, Jucilei enfim entrou em campo e como titular diante da Chapecoense. Ele viria a ser titular nos próximos três jogos. Contra o Santos, na 33ª rodada, porém, ele fez um jogo abaixo das expectativas e ficou novamente o banco de reservas até o final do Brasileirão.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.