São Paulo/Barueri faz boa partida, mas não evita derrota para o Minas

O São Paulo /Barueri novamente atuou bem, com muita aplicação tática, mas não conseguiu fazer frente ao Itambé/Minas, um dos grandes favoritos ao título da Superliga 2020/21, e saiu derrotado do ginásio José Correa por 3 a 0, com parciais de 25-15, 25-20 e 25-23.

Lorrayna foi novamente um dos grandes destaques do Tricolor. Com 16 pontos, a oposta canhota foi a maior pontuadora da partida, com 16 acertos, ao lado da norte-americana Dani Cuttino, do Minas.

Temendo enfrentar grandes dificuldades contra o Tricolor, a exemplo do que vivenciara o Sesi Vôlei Bauru, que só bateu a equipe de Barueri no tie-break na rodada anterior, o Minas começou muito atento em quadra – logo abriu 4 a 0. O time comandado por José Roberto Guimarães até conseguiu equilibrar a partida, mas a equipe mineira segurou a vantagem de quatro pontos e, no finalzinho da parcial, ampliou, para fechar tranquilamente, por 25 a 15. A grande válvula de escape do contra-ataque de Barueri foi a capitã Maira, autora de cinco pontos na primeira parcial.

O segundo set foi equilibradíssimo até o terço final. Atento na defesa e errando menos do que nas partidas anteriores, o São Paulo conseguiu brigar de igual para igual com o adversário e até conseguiu passar à frente no placar, com dois bloqueios seguidos, obras de Lorena e Kenya. Quando o marcador apontava igualdade em 16 pontos, a recepção paulista começou a desandar. Com o jogo desestruturado, o Tricolor nada pôde fazer para conter o poderoso ataque mineiro, que conta com talentos como Thaisa, PriDairot, Dani Cuttino e Megan.

Na terceira parcial, Zé Roberto optou por escalar Glayce Kelly desde o início, no lugar de Karina, para reforçar a recepção. A ponteira também dividiu um pouco o protagonismo no ataque com Lorrayna. Como resultado, o São Paulo conseguiu fazer seu melhor set, que foi equilibrado até o 22 a 22. No finalzinho da parcial, Thaisa, talvez a melhor jogadora da competição, chamou a responsabilidade e desequilibrou para a equipe visitante.

O time agora terá uma sequência de alguns dias de treinamento e só volta a quadra na sexta-feira, para encarar o Sesc Flamengo, no Rio. A meta é interromper uma sequência de três derrotas consecutivas.

 

 

Fonte: Site Oficial

2 comentários em “São Paulo/Barueri faz boa partida, mas não evita derrota para o Minas

  1. O trabalho do são-paulino Zé Roberto é ótimo. Contudo, sem investimentos fica difícil se equiparar às demais equipes de ponta. Recentemente perdemos nossa craque Lorraine para o Flamengo.

    • Na verdade o time perder Juma e Lorene para o SESC/Flamengo e Thainara e Mayany para o Osasco, todas elas sendo titulares nos respectivos times… isso, todas foram titulares no SPFC/Barueri ano passado, do time titular da temporada 19/20 somente Maira (ponteira), Diana (central) e Nyeme (libero) continuam no time…
      Mas esse é o objetivo do Zé Roberto, dar oportunidades a jovens promissoras de atuarem e não ficarem escondidas como reservas nas equipes de ponta, como Lorene que ficou no SESC, sendo reserva de Tandara, mas quando foi utilizada, inclusive na Seleção Brasileira adulta, ela surpreendeu a todos… o Zé mesmo depois de se aposentar da Seleção ainda será o grande descobridor de talentos… e o SPFC vai ser coadjuvante disso se não puder patrocinar um time mais forte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.