Rojas fica à disposição do São Paulo após dois anos

O atacante Joao Rojas, enfim, voltou a ficar à disposição do São Paulo. Após pouco mais de dois anos longe do futebol devido a duas graves lesões no joelho direito, o jogador viajou com a delegação para Fortaleza e pode ser relacionado por Fernando Diniz para o duelo contra o Ceará, nesta quarta-feira, às 19h15, pelo Brasileirão.

Rojas viveu um drama nesses últimos dois anos. No dia 26 de outubro de 2018, o atacante sofreu uma ruptura do tendão patelar do joelho direito. Dez meses depois, Rojas teve diagnosticada uma ruptura do tendão quadricipital do joelho direito prestes a retornar aos gramados. Uma nova cirurgia precisou ser realizada, e toda a evolução anterior foi perdida.

Durante este período, o São Paulo deu todo o suporte ao atleta e, inclusive, estendeu seu contrato que terminava no meio deste ano. Para que o jogador pudesse mostrar novamente o futebol apresentado em 2018, clube e jogador acertaram um novo vínculo até fevereiro de 2021.

No início de outubro, Rojas voltou a treinar com os companheiros no CT da Barra Funda. Inicialmente atividades mais leves foram passadas a ele sob supervisão da fisioterapia. Havia muita preocupação sobre a condição física após dois anos de inatividade em nível profissional.

Aos poucos, o atacante foi evoluindo nos treinamentos e cada vez mais participando de combates fortes.

A expectativa era de que Rojas voltasse em um período mais rápido após a segunda lesão. No entanto, a pandemia do novo coronavírus atrasou alguns processos.

São Paulo em 1 minuto: Rojas de volta, novatos relacionados e escalação

A vontade do jogador em retornar, o aval dos médicos e a necessidade de um jogador rápido e habilidoso para atuar pelas pontas fizeram Rojas viajar com a delegação para o jogo desta quarta-feira. Fernando Diniz não sinalizou se irá relacionar o jogador, mas conta com seu estilo de jogo para a sequência da temporada.

– Com o Rojas eu sempre conto. Ele teve um período muito difícil, conversei com ele recentemente e se somar tudo são dois anos de afastamento. Então ele precisa de um tempo para sentir conforto, e se ele tiver condições é um típico jogador dessa característica (driblador) – afirmou Diniz em entrevista coletiva no último domingo.

Em suas redes sociais, Rojas comemorou o retorno e agradeceu pelas mensagens que recebeu durante este período. Pelas boas apresentações em 2018, o equatoriano caiu nas graças do torcedor são-paulino.

– Obrigado a todos que torceram por minha recuperação, recebi inúmeras mensagens de apoio. Tenham certeza que darei o melhor de mim e honrarei o manto do São Paulo – escreveu o atacante.

As aparições de Rojas nos jogos devem ser aos poucos. Mas para quem ficou dois anos longe do futebol, o fato de estar novamente com os companheiros em viagens é motivo para se comemorar.

 

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “Rojas fica à disposição do São Paulo após dois anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.