Pablo é quem mais participa dos gols do São Paulo em 2020

Definitivamente, a volta da paralisação não foi boa para o São Paulo. Até aqui foram três jogos, duas derrotas, uma vitórias, sete gols marcados e sete gols sofridos, além da inesperada eliminação para o Mirassol nas quartas de final do Paulistão. No entanto, para um jogador esse retorno tem sido excelente no contexto individual. Trata-se de Pablo, que participou diretamente de todos os quatro gols que a equipe titular de Fernando Diniz marcou nesse período.

A boa fase, porém, teve início antes mesmo da pandemia de coronavírus interromper as competições. No dia 14 de março, no clássico contra o Santos, pela fase de grupos do estadual, Pablo marcou os dois gols da virada sobre o rival. Era a quebra de um jejum que durava nove jogos, mas a continuidade do período goleador foi adiado, pois aquela foi a última partida antes da pausa.

Mais de quatro meses depois, o Tricolor de Pablo voltou a campo para enfrentar o Red Bull Bragantino e o camisa 9 marcou duas vezes, apesar da derrota por 3 a 2 naquela ocasião. O jogador se destacou em meio ao resultado negativo e mostrou que daria prosseguimento ao que se iniciou em março.

Assim como outros nove titulares, Pablo foi poupado do duelo com o Guarani, que teve vitória do São Paulo “reserva” por 3 a 1. No jogo seguinte, no entanto, Fernando Diniz voltou a colocar em campo força máxima para enfrentar o Mirassol nas quartas de final e, assim, o atacante confirmou que a boa fase ainda estava vigente: marcou um gol e deu assistência para outro. Acontece que de nada serviu, já que o Tricolor perdeu por 3 a 2 e foi eliminado.

– Não adianta nada (o bom momento do atacante). O que adianta estar em um bom momento e não vencer? Não estou feliz com isso. Quero continuar jogando bem, mas que a equipe vença, que a equipe conquiste coisas importantes. Então, esse é o meu sentimento, não estou nem um pouco feliz – declarou Pablo em entrevista para a SPFCTV na última sexta-feira.

Com essas essas participações em gols em seus últimos seis jogos, o camisa 9 são-paulino passou a ser jogador do elenco que mais participou dos tentos marcados em 2020. Até aqui ele foi responsável direto por 10 das 25 bolas na rede do time na temporada, ou seja, 40% dos gols da equipe tem a influência de Pablo, que marcou seis vezes e deu quatro assistências em 13 jogos.

Mas não é só. Ao engrossar sua participação nos gols neste ano, o atacante passou a ser o jogador mais decisivo do São Paulo na “Era Fernando Diniz”. Ao todo, Pablo foi responsável direto por 12 bolas na rede (7 gols e 5 assistências) desde a chegada do comandante, no fim de setembro de 2019. Isso representa 30% dos 41 gols do Tricolor no período, deixando Vitor Bueno (11 participações) e Daniel Alves (10 participações) para trás no ranking.

Pablo e seus companheiros seguem em preparação para o início do Brasileirão-2020, no próximo domingo, às 16h, contra o Goiás, fora de casa, em local ainda a ser definido. Já pensando nisso, o elenco está concentrado no CT de Cotia, onde realizou treinamentos em dois períodos no último fim de semana.

Confira o Top 5 de participações em gol na temporada 2020:

1) Pablo – 10 participações (6 gols e 4 assistências)
2) Daniel Alves – 6 participações (5 gols e 1 assistência)
3) Alexandre Pato – 6 participações (4 gols e 2 assistências)
4) Reinaldo – 5 participações (2 gols e 3 assistências)
5) Vitor Bueno – 5 participações (1 gol e 4 assistências)

Confira o Top 5 de participações em gol na Era Diniz:

1) Pablo – 12 participações (7 gols e 5 assistências)
2) Vitor Bueno – 11 participações (5 gols, 5 assistências e 1 pênalti sofrido)
3) Daniel Alves – 10 participações (6 gols e 4 assistências)
4) Antony – 7 participações (3 gols e 4 assistências)
5) Alexandre Pato – 6 participações (4 gols e 2 assistências)

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.