‘Não entendo por que não jogava no São Paulo’, diz Renato, sobre Rhodolfo

Foi muito rápido. Com menos de três meses de clube, Rhodolfo já é titular absoluto, elogiado por todos e um dos destaques do time do Grêmio. Contratado por empréstimo junto ao São Paulo e um pedido do técnico Renato Gaúcho, o único até o momento, o zagueiro é visto como um dos líderes do elenco e pilar essencial na equipe em campo.

Emprestado até a metade do ano que vem, o jogador já ouve pedidos ate do técnico Renato Gaúcho para que permaneça. Sua estreia aconteceu no clássico Gre-Nal do primeiro turno, na primeira partida do esquema 3-5-2, do qual é espécie de avalista, pela experiência no São Paulo e pelas boas atuações.

– Não entendo até hoje porque não estava jogando no São Paulo. Importante é que chegou e todo mundo o recebeu de braços abertos. É fundamental. Não só no esquema, mas dá tranquilidade para a nossa defesa, que é jovem. Estamos satisfeitos com isso. Esperamos que ele continue, mas isso é com a diretoria – destacou o técnico Renato Gaúcho.

Rhodolfo ajudou a defesa gremista a sair do confronto com o segundo melhor ataque do Brasileirão ileso. O Atlético-PR até criou, mas parou no próprio zagueiro, que salvou lance com um carrinho no primeiro tempo, após Ederson driblar Dida e chutar para o gol vazio.

– Foi pressão dobrado. Estreia em um Gre-Nal, sendo o único reforço que o Renato havia pedido. Foi a defesa do jogo, sim, até porque eles não exigiram muito o Dida – comentou o camisa 44.

Fonte: Lance

7 comentários em “‘Não entendo por que não jogava no São Paulo’, diz Renato, sobre Rhodolfo

  1. Esse empréstimo foi a maior idiotice das muitas praticadas pela diretoria neste ano. Ainda que passando por um mal momento, o Rhodolfo tinha que ser mantido no elenco como reserva. Não faz sentido dispor de um atleta que foi titular por tanto tempo se não for por uma proposta financeira irrecusável.

    • Humberto, uma pequena correção: o Rhodolfo não foi emprestado, mas sim em definitivo para o Grêmio. O contrato dele estava terminando e ele assinou um pré-contrato com os gaúchos, já que o São Paulo não demonstrou interesse em renová-lo. Então o liberou para o Grêmio.

      • Certeza? Achei que era empréstimo. A notícia acima afirma isso e asdeclarações do Renato Gaucho pareciam indicar a mesma coisa Sendo definitiva a transferência, pior o erro da diretoria. ..

        • Humberto, agora até eu fiquei em dúvida. No mínimo, se ele foi emprestado, foi com preço do passe fixado. Vou apurar melhor amanhã e informo com certeza. Desculpe se me enganei na informação. Abraços

  2. Entao vamos nessa ordem.
    lucio bmw enconstado por indisciplina (rsrs)
    Rodolfo emprestado ao gremio
    e, finalmente,
    essa zaga de ontem titularissima.
    Alguma coisa nao funciona, nesse maluko dep de futebol
    dessa carikatura desse timeko formado
    por esse adalberto porchi.
    Por isso estamos irremediavelmente condenados a Segundona,
    alem de termos um ataque de nervos,
    ou melhor ataque de pipokkkkkeros.

  3. O problema do Rodolfo no SP foi um só: a contratação do inútil Lúcio.
    Após a famigerada contratação, pelo alto salário envolvido e o passado vencedor, o Rodolfo passou a ter de disputar vaga na zaga que tinha sido a melhor do segundo turno do ano passado e da Copa Sulamericana. Com o Lúcio a zaga ficou uma merda mas o cara tinha nome e sobrava ou pro Rodolfo ou pro Tolói que, até então, eram indiscutíveis titulares. Aí meu filho, vai discutir com a imprensa que endeusou a vinda do Lúcio! Não dá para discutir em público os erros do parceiro de equipe. O Rodolfo se calou e seu futebol foi se calando com ele até que, por sua felicidade merecida, apareceu o Grêmio e ele voltou a ser o mesmo Rodolfo do ano passado.

  4. A verdade é que Rodolpho no São Paulo,nao estava jogando nada, porque recebeu proposta do exterior e balançou ,ele mesmo admitiu isso e passou a nao render mais em campo.O fato de ele estar jogando bem no Grêmio só mostra a falta de caráter deste jogador.Que fique por lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.