Muricy Ramalho deixa de ser comentarista para assumir cargo no SP

Conforme havíamos antecipado durante a campanha, Muricy Ramalho vai assumir um cargo na direção do São Paulo caso Julio Casares seja eleito presidente no próximo sábado, dia 12. O ex-técnico já deixou o cargo de comentarista da Globo.

Casares é o favorito a ganhar o pleito contra Roberto Natel. O candidato, porém, quer aguardar a eleição do fim de semana para se manifestar sobre convites a profissionais.

– Eu sempre disse que gostaria de contar com Muricy na coordenação do futebol do São Paulo caso venha a ser eleito o próximo presidente do clube. No entanto, neste momento o foco está na reta final da campanha, que só se encerra no próximo dia 12. Quaisquer convites ou decisões referentes à futura gestão só serão oficializados após o término desse processo eleitoral e com a concretização de uma vitória nas urnas – disse Casares, via assessoria de imprensa.

Ídolo da torcida, Muricy Ramalho foi jogador e técnico do Tricolor. Como treinador, inclusive, ganhou três Brasileiros (2006, 2007 e 2008).

A última passagem de Muricy pela função de técnico do São Paulo aconteceu entre setembro de 2013 e abril de 2015.

 

Paulo Pontes

18 comentários em “Muricy Ramalho deixa de ser comentarista para assumir cargo no SP

  1. O Muricy entende de futebol e o São Paulo precisa de alguém capaz de traduzir a língua do futebol para esse conselho de múmias paralíticas. Acho que tem um papel a ser cumprido caso se limite a papel e tenha paciência para fazer a interlocução (vital) do futebol com o clube. Meu comentário já deixa claro que entendo que ele vai precisar de apoio técnico, administrativo, comercial e financeiro para escolher jogadores, negociar, fechar contrato etc.
    Dito tudo isso, faço duas críticas.
    A primeira decisão do Casares, antes mesmo de eleito, é a mesma jogada que o Leco sempre fez: trazer um ídolo de escudo. A mesma coisa! Pior que imitar o Leco (o Leco!), é demonstrar que não tem nenhum repertório, nenhum conhecimento técnico, nenhum relacionamento dentro do futebol e, principalmente, nenhuma confiança para inovar. Vai ser mais um presidente porcaria, não tenham dúvida.
    Segunda crítica: é claro que se trata do momento inadequado para a notícia vir à tona, sem nenhuma confirmação oficial. Que bagunça. O mínimo que o Casares (que é uma porcaria, repito) poderia fazer é se antecipar e dizer que, até o final dos dois campeonatos em disputa, Diniz e Raí permanecem. Em nome da estabilidade e da segurança ao trabalho! Ele poderia até dizer que Muricy vai participar da transição. É algo tão simples! Mas não… a notícia vaza, ninguém dá satisfação. Fica fazendo a política mais mesquinha.
    Não espero nada desse Casares. Só torço para que ele seja mais rápido que o Leco para aprender a não atrapalhar.

  2. Grande notícia, por mais que já esperávamos não deixa de ser boas novas, eu sempre lembro que a derrocada do São Paulo iniciou com a demissão do Murici pelo Leco, agora parece que a volta foi dada, terminou o círculo maldito, sai Leco chega Murici, início de um novo ciclo, não dá pra garantir nada mas esperar, isso dá, esperar é ter esperança.

  3. O Murici é um grande Homem, assim mesmo, com agá maiúsculo.
    O Murici é um tremendo são-paulino. Mesmo carrancudo é muito engraçado e deve ser um ótimo parceiro pra quase tudo.
    Agora . . . já estamos cansados de ver grandes ídolos dos torcedores serem tragados pela máquina administrativa tricolor.
    Quais são as experiências administrativas dele?
    Vai ter que cometer muitos erros até aprender; mais ou menos como o Raí, que foi muito mal durante quase todo seu período na diretoria e só agora mostrou estar aprendendo bancando sózinho a permanência do Diniz.
    Tenho medo que os erros voltem a acontecer e que destruam mais um grande nome tricolor, sem contar que a hora de se divulgar esta notícia parece ter sido escolhida por algum curintiano, ou flamenguista, ou palmeirense, ou etc, etc, etc. menos por um são-paulino responsável, , ,

  4. Sou fã do cara.

    Ninguém contrata uma pessoa para a gestão do futebol pensando em custos, produtividade, sinergia etc, para isso há muitos gestores de empresas muito competentes e que cobram menos. O que importa é conhecer gestão de elenco, e para isso ele é muito experiente, além de ser ético.

    Dentre as causas desse buraco em que o clube entrou, a principal parece ter sido as contratações equivocadas, algumas até suspeitas. O time investiu bastante dinheiro em alguns anos obtendo resultados pífios. Ter um cara com a experiência do Muricy participando desse processo com certeza melhoraria muito as decisões.

    Basta lembrar que o Muricy foi um dos responsáveis pelo “expressinho” que gerou tantos atletas para o time titular. E na campanha do tri-brasileiro, além de ter trabalhado com os jovens Breno e Hernanes, teve vários “achados”, como Leandro Guerreiro, Jorge Wagner, Miranda e o já citado Borges. Na época, deram muito destaque para as indicações de Milton Cruz, mas quem fazia acontecer era o Muricy.

  5. Como coordenador, ótima notícia….
    Mas deixa pra vir só em fevereiro. Deixa o campeonato brasileiro acabar……

    Tirar Raí, Passaro e outro lá antes do campeonato acabar é uma burrice sem tamanho.
    Se for pra tocar, que troque só em fevereiro

  6. Agora falando sobre o cargo. Acho temerário, tem algum preparo por ter sido técnico, ou seja, tem certa vivência na área, mas como administrador é meio iniciante. Pode cometer erros como o Ongueiro e lembrem-se que Muricy é turrão e teimoso e isso pode ser um problema em alguns casos.

    Eu tentaria o Leonardo, esse sim com experiência na área, não custa nada uma sondagem.

    • Não sonha amigo! No PSG o cara que manda e deve receber muita grana em Euro…seria muita burrice vir para o Brasil!!! Infelizmente paixão somente ao dinheiro, esta é a verdade !

      • Depois que se ganha muito dinheiro, muitos são movidos por desafios e esse seria um grande desafio.

        Muito embora morar no Brasil e em SP é uma roubada, mas Paris hoje em dia é uma filial de Islamabad e cheira a urina e merda!

  7. Excelente, um ídolo, pessoa mto correta, símbolo de anos gloriosos.

    Muricy vai blindar o time dos dirigentes e conselheiros que adoram querer invadir o vestiário, não vai ceder pra empresário que quer empurrar jogador, além de colocar limites nas loucuras do Diniz. Enfim, deixa o Barra Funda protegida e focada sob os cuidados do Muricy e que o novo presidente se concentre nos assuntos de gestão que pedem mta urgência e atenção.

  8. Então, eu acho que ter o Muricy no SPFC novamente é uma Excelente notícia!!!

    Mass…. Tem um porém, poderíamos dar Qualquer cargo para o Muricy menos o cargo de diretor de Futebol… Chega de amadores nessa função, o Raí com esse papo de confie em mim deixou um rombo nos cofres do clube, além de passar várias vergonhas seguidas!!!

    Seja bem vindo Muricy, mas não para o cargo de diretor… Qualquer outro cargo menos diretor!!!!

    Precisamos de pessoas como ele que ama. O clube e que tem perfil campeão!!!!

  9. Deus me livre.

    Mais um cara ultrapassado na gestão do futebol.
    Como modernizar se só tem gente com pensamento retrógrado, resultadista e ultrapassado?

    Enquanto a gente ficar enchendo de gente que a “torcida gosta” vamos continuar a ter resultados que a torcida não gosta.

    É triste demais!

  10. Esse eu respeito muito…
    Já era fã do jogador, que tinha um talento nato, era rápido e dava o sangue como poucos…
    Depois como assistente de Telê conseguiu levar um time de garotos, o espressinho a muitas vitórias..
    Como técnico então, guardo muito boas lembranças…
    Infelizmente não poderia continuar por problemas de saúde, mas agora como Coordenador, tenho muita fé de que será muito útil…
    Boa sorte Muricy!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.