Em espécie de ‘final’, São Paulo e Cruzeiro se enfrentam no Morumbi

São Paulo e Cruzeiro se enfrentam neste domingo, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. As equipes disputarão uma espécie de “final” já que são as melhores colocadas da competição. Enquanto a Raposa é a líder com 46 pontos, o Tricolor é o segundo colocado, com 39. A diferença de sete pontos pode tanto cair para quatro, em caso de vitória do São Paulo, quanto aumentar para 10, caso o Cruzeiro vença. Ela também pode permanecer igual se houver empate.

Para o duelo, Muricy Ramalho terá pela sexta vez em campo o “quarteto mágico” formado por Paulo Henrique Ganso, Kaká, Alexandre Pato e Alan Kardec. Os jogadores aturam juntos durante cinco vezes e ainda não perderam.

Em ótima fase no São Paulo, Alan Kardec fez seu quinto gol com a camisa tricolor na última quarta-feira, na vitória por 4 a 2 sobre o Botafogo. Ele atribuiu seu bom momento a muito trabalho, como o técnico Muricy Ramalho gosta.

Com mais de 48 mil ingressos vendidos antecipadamente, o Morumbi deve receber cerca de 60 mil torcedores neste domingo. Para Kardec, não há motivação maior para entrar em campo do que uma decisão.

– Temos que entrar ligados e atentos no jogo. Não há motivação maior do que uma partida como essa, porque é uma decisão. Claro, teremos outras pela frente, mas precisamos ganhar mais confiança. Com casa cheia e a torcida nos apoiando, a motivação aumenta – disse.

Muricy ainda não poderá contar com Luis Fabiano. Tanto o técnico quanto a comissão técnica estão tendo cautela quanto a volta do jogador, que não joga desde o dia 20 de junho por conta de uma lesão na coxa direita. Paulo Miranda também é desfalque. O jogador se recupera de uma lesão na coxa esquerda e não tem previsão para volta.

Por outro lado, Muricy tem a volta de Alvaro Pereira, que disputou dois amistosos com a seleçaõ urugaia na Ásia, e Ademilson, que estava com a Seleção sub-21.

DE OLHO NO CRUZEIRO

O Cruzeiro tenta ampliar, ou no mínimo, manter a diferença de sete pontos para o vice-líder do Campeonato Brasileiro. Marcelo Oliveira, portanto, não descarta buscar um empate diante do São Paulo.

– É a oportunidade de o São Paulo se aproximar do Cruzeiro. O Cruzeiro está muito preparado, tem disputado jogos desse nível. Então, estamos fortes e preparados. Vamos lá para tentar o melhor resultado, que seria uma vitória. Isso nos daria uma condição muito boa para o campeonato. Dependendo da circunstância, não podemos descartar um empate – disse.

O treinador não comandou trabalhos táticos visando a partida do fim de semana, mas não esconde que pretende manter a maioria dos atletas que enfrentou o Bahia, na quinta-feira, e não descarta o retorno de Egídio, que se recupera de uma fratura na mão esquerda.

– A questão é que o Egídio ficou parado. Vamos ver como ele se sentiu no treinamento. Temos que estudar um pouco mais o adversário, a forma que jogam. Se ele tiver oportunidade de jogar, a gente ganha muito ofensivamente. Tem um grande apelo ofensivo, uma passagem constante pelo lado esquerdo. Não jogando ele, joga o Ceará, que não tem o pé esquerdo, mas tem uma poder de marcação muito grande – afirmou.

Após cumprir suspensão automática, Dedé retoma a sua vaga na defesa ao lado de Léo. No meio de campo, por outro lado, Nilton substituirá Henrique, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Além da lateral esquerda, Marcelo Oliveira nutre outra dúvida para armar a equipe. Ele busca o parceiro ideal para o trio formado por Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart e Marcelo Moreno. A briga está entre Alisson, Dagoberto, Marquinhos e Willian.

– É essa dúvida, porque vamos monitorar os jogadores nas avaliações físicas. O jogo de quinta para domingo é muito próximo, porque poderia dar uma escalação agora e depois mudar de ideia – avaliou o técnico.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO X CRUZEIRO

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data-hora: 14/9/2014 – às 16h
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS/Fifa)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e José Antônio Chaves Franco Filho (RS)

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Auro, Rafael Toloi, Edson Silva, Michel Bastos (Alvaro Pereira); Denilson, Souza, Ganso e Kaká; Alexandre Pato e Alan Kardec. Técnico: Muricy Ramalho.

CRUZEIRO: Fábio, Mayke, Léo, Dedé e Egídio (Ceará); Nilton, Lucas Silva, Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart; Alisson (Willian) e Marcelo Moreno. Técnico: Marcelo Oliveira.

Fonte: Lance

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.