CT de Cotia ganha mais respaldo com Diniz no comando do São Paulo

Responsável pela formação dos novos talentos para o São Paulo, o CT de Cotia está cada vez mais próximo do CT da Barra Funda – local de treinamentos do elenco profissional. Liderados por Fernando Diniz, os jogadores da base estão com cada vez mais espaço e mais protagonismo no Tricolor. Nesta temporada, mais 36% de todos os gols feitos pela equipe foram de atletas ‘Made in Cotia’.

O São Paulo viveu uma maratona nas últimas duas semanas. Enfrentou o Fortaleza nas oitavas de final da Copa do Brasil, encarou o Lanús pela Copa Sul-Americana e mediu forças com Flamengo e Goiás pelo Brasileirão. Embora tenha sido eliminado da competição continental, a equipe teve bons desempenhos e saiu fortalecida.

Nessas partidas, o Tricolor marcou 14 gols – oito deles de jogadores que passaram a infância, a adolescência e o início da fase adulta no CT de Cotia. Respaldados pela comissão técnica, que trabalha para dar confiança aos garotos nos treinamentos e nos jogos, nomes como Brenner, Igor Gomes, Gabriel Sara e Luan cresceram de produção e hoje são titulares absolutos.

O atacante Brenner, inclusive, vive a melhor fase de sua carreira. Nos últimos dez jogos, o garoto fez 11 gols e disparou na artilharia do elenco – deixando os experientes Pablo, Luciano e Daniel Alves para trás. Quem também está em alta é Gabriel Sara, responsável pela cadência do meio de campo, pela marcação-pressão e também no auxílio para os atacantes.

Cada vez mais dando espaço para os talentos de Cotia, o São Paulo está crescendo na temporada e demonstrando sua força. Embora seja o quarto colocado no Brasileirão, o time tem o melhor aproveitamento da competição (64,7%) e tem três jogos a menos do que seus adversários pelo principal título do futebol nacional.

Na próxima quarta, às 21h30, o clube do Morumbi inicia o confronto com o Flamengo por uma vaga nas semifinais na Copa do Brasil. Há nove dias, o Tricolor bateu o Rubro-negro, no Maracanã, por 4 a 1, e tenta repetir a dose neste meio de semana. Se Diniz mantiver a escalação, o São Paulo entrará em campo com pelo menos cinco atletas formados em Cotia.

 

Fonte: Lance

Um comentário em “CT de Cotia ganha mais respaldo com Diniz no comando do São Paulo

  1. Há quanto tempo eu cobro, aqui mesmo neste espaço, o que o Diniz está fazendo hoje.
    Cansei de criticar técnicos que, para usarem os garotos que subiam da base, deslocava-os de suas posições originais onde tinham se destacado,acabando com qualquer chance deles terem continuidade. Isto aconteceu, inclusive, com o Brenner que iniciou jogando pelas laterais do campo como ponta, motivo pelo qual, levou quase 3 anos para encontrar seu futebol entre os profissionais. Fora as críticas dos torcedores que não o acompanharam na base que achavam que ele não valia o investimento e a tentativa de devolve-lo para a base porque, segundo os entendidos, ele não “estava pronto”.
    Espero que a diretoria do tricolor tenha essa consciência: a de que se um garoto da base é um bom meia, deve subir para jogar como meia; se zagueiro, que suba para jogar na zaga e não nas laterais, e assim cada qual suba para jogar na sua posição original onde se destacou na base.
    Fizessem isso e o tricolor não teria perdido tantos bons atletas que passaram por nossa base e que não foram aproveitado em suas posições originais. . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.