Santos 2 x 0 São Paulo

Sobe

NENÊ: ainda tentou alguma coisa. Alguns passes sem conclusão na frente, um chute a gol, correndo pelos lados e pelo meio do campo. O mais lúcido do time, mas incapaz de mudar a mesmice que foi o São Paulo hoje.

Desce

HELINHO: não está pronto para jogar no profissional. Tem técnica, pegada e bom drible, mas não tem corpo e se assusta em grandes jogos. No comentário que escrevi após o título da Copinha disse que não podíamos nos iludir com jogadores craques que estão lá, mas que não tem idade nem físico para subir. Helinho é exemplo digno e fiel disso.

ANDRÉ JARDINE: o futebol ofensivo, com posse de bola e marcação na saída do adversário hoje não apareceu. Era a chance de mostrar, num clássico, que a pré-temporada está sendo útil e que podemos sonhar com algo melhor. O sonho está adiado.

 

Paulo Pontes

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.