Recuperado, Fabrício volta aos treinos nesta segunda-feira

Uma das contratações do São Paulo para a temporada 2012, o volante Fabrício ainda não “estreou” pelo São Paulo. Uma tendinite no tornozelo esquerdo, uma lesão na coxa direita e outra na panturrilha esquerda fizeram com o que o meio-campista, ex-Cruzeiro, tenha disputado até agora apenas 32 minutos de jogo (22 contra o Bragantino e dez contra o Grêmio Catanduvense, ambos pelo Campeonato Paulista). A última lesão foi sofrida no dia 29 de março e, desde então, tem feito um trabalho de recuperação e fortalecimento.
Há duas semanas, o volante começou a trabalhar no campo, ainda sob comando dos preparadores físicos. Nesta segunda, ele iniciará o trabalho técnico, já com os companheiros e com o técnico Emerson Leão. Como o Campeonato Brasileiro será paralisado por dez dias por causa dos amistosos da Seleção Brasileira, o time só voltará a campo no dia 6, contra o Internacional, em Porto Alegre. Apesar do tempo até lá, o treinador não garante a volta de Fabrício.
– Não adianta querer antecipar prazos. Da última vez que o Fabrício machucou, ele havia ficado 15 dias treinando com os companheiros. É preciso ter calma. Ele vai iniciar os trabalhos técnicos na segunda e aí vamos observar – afirmou o comandante são-paulino.
Leão não esconde a irritação com o assunto. Fabrício seria um dos titulares da equipe no início de 2012, ao lado de Wellington, e até agora não conseguiu nem ganhar ritmo de jogo. Além da qualidade técnica, o volante é considerado peça importante por fazer o papel de líder dentro de campo, principalmente no momento em que somente Luis Fabiano pinta como “motivador”, já que Rogério Ceni segue machucado.
Anteriormente, o treinador, quando questionado sobre o assunto, afirmou que só voltaria a pensar na escalação de Fabrício quando recebesse um documento assinado pelo departamento médico garantindo que o atleta está em plenas condições de ser utilizado. A recuperação de Fabrício é importante principalmente porque, se o São Paulo se garantir na final da Copa do Brasil, não terá Denilson, cujo contrato de empréstimo já terá acabado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.