Ney Franco admite erro na proteção à zaga

O técnico do São Paulo, Ney Franco, admitiu que sua equipe não teve uma atuação boa no que diz respeito à marcação nesta quarta-feira, na vitória por 4 a 2 em cima do São Caetano, em jogo que valeu pela 2ª rodada do Campeonato Paulista.

Em entrevista coletiva dada após a partida, o comandante concordou com Rogério Ceni ao dizer que o sistema com Maicon, Paulo Henrique Ganso e Jadson atuando juntos requer um pouco mais de atenção dos laterais na hora em que o rival está com a bola.

“Por termos começados bem o jogo, começamos a pegar e sair todo mundo para o ataque, usando o apoio dos dois laterais e os volantes ao mesmo tempo, o que deixava o zagueiro exposto. O rendimento caiu por causa disso. Todos acharam que o jogo estava sob controle e aí em dois contra-ataques deixamos a equipe deles crescerem. No intervalo, tivemos cobrança e o ajuste fez a equipe voltar mais consistente”, analisou.

“O grande erro hoje nem foi a questão do volante. Foi a questão dos zagueiros ficarem expostos, com alas saindo ao mesmo tempo. Sem a posse de bola, o Jadson e Maicon saíram e aí a defesa ficava só com dois defensores e um volante. Quando encaixamos a marcação, recuperamos o jogo”, completou.

No jogo desta quarta-feira, Ney Franco testou um esquema diferente, com Ganso jogando à frente no meio de campo, Jadson e Maicon mais atrás e apenas Denílson como volante fixo. Essa foi mais uma variação tática do comandante, que já tentou armar também a equipe com três atacantes.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.