Leão e jogadores do São Paulo tratam vitória contra o Bahia como obrigação

O recomeço do Campeonato Brasileiro faz os técnicos e jogadores voltarem a usar o discurso da fórmula perfeita para ser campeão em uma competição de pontos corridos: vencer em casa e empatar fora. A pressão do São Paulo para o jogo contra o Bahia, no entanto, vai além disso. Leão e seus comandados colocam como obrigação uma vitória neste domingo especialmente após a derrota de virada para o Botafogo na estreia.

Quem adota o discurso mais rígido é o próprio treinador. Segundo ele, somar um ponto em caso do empate vai ter o mesmo sabor de uma derrota.
“A equipe do Bahia vem de uma eliminação na Copa do Brasil, mas de um título estadual. Vem ao Morumbi com prós e contras. O nosso objetivo único é a vitória. Não podemos achar que o empate está bom”, disse o treinador.

Voltando de suspensão da Copa do Brasil, o zagueiro Paulo Miranda é outro que coloca um triunfo no Morumbi como essencial. Enfrentando sua ex-equipe, o atleta pode compor a linha de três zagueiros que o técnico pode escalar.

“Dentro de casa temos de impor nosso ritmo. O Bahia deve vir fechado, explorando os contra-ataques. Sabemos das dificuldades que vamos enfrentar, mas dentro do Morumbi temos de sair com a vitória”, disse o zagueiro. Na primeira rodada do Nacional, o São Paulo perdeu para o Botafogo por 4 a 2, fora de casa.

Cícero, outro que tem raízes com o Bahia, já que foi revelado no Tricolor de Salvador, diz que deixará de lado o carinho que tem pelo rival deste domingo e usa um discurso um pouco mais ameno pelos três pontos.

“No Campeonato Brasileiro, ainda se tratando de um clube como o São Paulo, se você não soma ponto em um jogo, no outro você entra com aquela pressão, que é normal. Temos de superar isso e fazer um bom resultado dentro de casa”, afirmou o camisa 16.

Após a primeira rodada, o São Paulo ficou na penúltima posição, com zero pontos e um saldo de gols negativo de dois. Coritiba, Ponte Preta, Corinthians, Náutico e Grêmio também perderam na estreia do Nacional e ainda não têm pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.